🔴 RECEBA ANÁLISES DE MERCADO DIÁRIAS: CLIQUE AQUI E SIGA O SEU DINHEIRO NO INSTAGRAM

2022-03-13T14:45:25-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
NA REDE SOCIAL

Uma década de Elon Musk no Twitter: bilionário fala muito de Tesla (TSLA) e Space X e menos de bitcoin (BTC) e Dogecoin (DOGE) do que se imagina; leia tweets mais famosos

O bilionário fala pouco de política e criptomoedas, mas são os tweets que mais viralizaram impactam a rede social

13 de março de 2022
14:45
Dez anos de Elon Musk no twitter confira tweets mais famosos do bilionário
Depois de dez anos, confira as postagens mais famosas de Elon Musk no twitter. Imagem: Montagem Seu Dinheiro

O ano era 2006 quando o então jovem Jack Dorsey fundou uma rede social de mensagens com até 180 caracteres — uma diferença brutal do Facebook, que permitia textos sem limite. Quatro anos depois, o Twitter já era uma das plataformas mais famosas do mundo e o bilionário Elon Musk criou sua conta.

A história daqui para frente vocês conhecem: muitas polêmicas envolvendo a Tesla (TSLA), sua empresa de carros elétricos, e muitos comentários sobre a política dos Estados Unidos. A própria SEC, a CVM americana, já chegou a notificar Musk pelas suas postagens. 

Gostemos dele ou não, Musk é sem dúvidas uma das personalidades mais influentes no mundo. Quem diz isso é a revista Time, que colocou o fundador da Tesla nessa lista, na categoria inovação. 

Elon Musk: uma década no Twitter 

Estar por dentro de tudo que acontece na vida de alguém tão ativo no Twitter pode demorar algum tempo, mas a plataforma Visual Capitalist fez um levantamento com os principais temas abordados pelo bilionário nos últimos dez anos. 

O mais surpreendente não é que Musk fale muito de seus projetos enquanto empreendedor. Tesla e Space X, a agência espacial criada por ele, são os temas mais abordados pelo bilionário, que compartilha desde testes até novos modelos em sua conta pessoal.

Menos bitcoin (BTC) e dogecoin (DOGE) e mais Boring.co

Apesar de Elon Musk ser conhecido por seu toque especial no mercado de criptomoedas, o bilionário fala pouco delas em seu Twitter. 

Em março do ano passado, Musk afirmou que a Tesla passaria a aceitar bitcoin (BTC) como meio de pagamento, o que fez as cotações dispararem para os US$ 44 mil. 

Ainda naquele mesmo ano, o fundador da Tesla ainda adotou uma criptomoeda: o Dogecoin (DOGE), afirmando que ela era o “dinheiro do povo”. Relembre as vezes em que Musk falou dela aqui.

Apesar de parecer muito, bitcoin e criptomoedas em geral não são o tema preferido de Elon Musk no Twitter. Ao invés disso, ele prefere falar da curiosa empresa de túneis The Boring Company

Caso você não esteja reconhecendo o nome, aqui vai uma dica: essa foi a empresa de Musk responsável por vender os, digamos, polêmicos lança-chamas.

Elon Musk movimentando o mercado 

“Eu deveria vender 10% das ações da Tesla?”

Essa foi uma das enquetes que Elon Musk fez no Twitter que gerou reações dos órgãos reguladores americanos.

Na época, a enquete deu sinal verde para o bilionário vender suas ações, avaliadas em cerca de US$ 16 milhões. Contudo, nada passou de um teatro para Musk escapar dos impostos norte-americanos.

Em defesa da Ucrânia

Nas suas mais recentes postagens, o bilionário utilizou sua empresa que fornece serviços de internet para reconectar a Ucrânia ao mundo digital.

Após um pedido do vice-primeiro-ministro do país, Mykhailo Fedorov, Musk afirmou que os serviços da Starlink estavam “ativos e com mais terminais a caminho”. 

O projeto Starlink procura ser um provedor de internet mais barato diretamente do espaço, com satélites formando um “cinturão” em todo o planeta. Os primeiros testes do programa foram positivos, o que permitiu Musk expandir os serviços para a Ucrânia

Confira abaixo o gráfico feito pela Visual Capitalist sobre os tweets mais famosos de Elon Musk: 

Fonte: Visual Capitalist
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

O FANTASMA DA RECESSÃO

Ata do Fed manda recado: saiba se os próximos passos do BC dos EUA podem tirar o sono dos investidores

6 de julho de 2022

Na reunião de junho, o banco central norte-americano elevou a taxa de juro em 0,75 ponto percentual, o maior aumento desde 1994, na tentativa de conter uma inflação que não dá tréguas; será que vem mais por aí?

Está vindo aí

Risco de recessão volta a assustar, petróleo amplia perdas e petroleiras lideram quedas do dia; Hypera (HYPE3) e Americanas (AMER3) sobem forte

6 de julho de 2022

Com a queda do petróleo no mercado internacional, papéis de commodities no Brasil têm maiores quedas nesta quarta-feira

MAIS DO QUE UMA VOLTINHA

Multiplan (MULT3), Iguatemi (IGTI11), brMalls (BRML3) ou Aliansce Sonae (ALSO3)? Saiba qual é a queridinha do Itaú BBA

6 de julho de 2022

Papéis das administradoras de shoppings operam em alta nesta quarta-feira (06), embalados pela prévia operacional da Multiplan, que sinalizou que novos recordes estão no caminho da empresa

EXILE ON WALL STREET

Euro(bad)trip: Como a guerra na Ucrânia e a busca por novas fontes de energia para substituir o petróleo russo fizeram o euro despencar

6 de julho de 2022

A moeda única atingiu o seu nível mais baixo em relação ao dólar em 20 anos (próximo do US$ 1), pior que os patamares vistos na crise da dívida no começo dos anos 2010

BOMBOU NAS REDES

Warren Buffett: de entregador de jornal rejeitado por Harvard ao posto de sétimo homem mais rico do mundo; descubra como o megainvestidor conquistou a fortuna de R$ 511 bilhões

6 de julho de 2022

Veja os detalhes da trajetória de Warren Buffett até se tornar o sétimo homem mais rico do mundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies