Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-12-29T15:31:17-03:00
Carolina Gama
NÃO PARA, NÃO PARA, NÃO PARA NÃO

Será o fim das vendas de ações de Elon Musk? Bilionário pode despejar mais papéis da Tesla no mercado em 2022; saiba como e por quê

Homem mais rico do mundo se desfez de mais 934 mil ações da empresa e exerceu cerca de 1,6 milhão de opções nesta terça-feira (29), comprando papéis por US$ 6,24 cada

29 de dezembro de 2021
15:31
Montagem de Elon Musk no meio de notas de dólar
Imagem: Montagem Andrei Morais / Envato / Shutterstock

O bilionário Elon Musk finalmente cumpriu com o prometido e concluiu a venda de 10% das ações da Tesla, além de terminar de exercer as opções de ações da fabricante de carros elétricos. Será mesmo? 

Ainda existe uma chance de que mais vendas de ações de Musk aconteçam em meados de 2022. Isso porque ele ainda tem mais 2,6 milhões de opções de ações para serem adquiridas, que podem ou não ser vendidas posteriormente pelo bilionário.

No pregão de hoje, as ações da Tesla (TSLA) eram negociadas em queda de 0,87% nas Nasdaq. Aqui na B3, os BDRs da empresa de Elon Musk (TSLA34) subiam 0,44% no início da tarde. 

Marco de desempenho da Tesla

As opções de Musk são adquiridas, ou são conquistadas, quando a empresa  atinge marcos de desempenho. Para exercer os 2,6 milhões de opções finais, a Tesla precisa manter 30% das margens de lucro bruto por quatro trimestres consecutivos.

Embora possa assustar, os investidores não devem temer essa movimentação. Caso ela ocorra, isso significaria um forte desempenho da margem da companhia. Ou seja, no fim do dia há um alinhamento entre a remuneração de Elon Musk e os resultados da montadora.

No terceiro trimestre de 2021, a margem de lucro bruto da Tesla ultrapassou 30%. Se a empresa repetir o feito no quarto trimestre de 2021 e nos primeiros dois trimestres de 2022, Musk poderá exercer as opções e vender cerca de metade para pagar os impostos

Tudo isso, no entanto, tem um prazo para acontecer: antes agosto de 2022, quando as opções expiram.

Havia uma fábrica no meio do caminho

Falando assim, parece quase certa a volta de Musk aos mercados em 2022. Mas nem tudo são flores no caminho do homem mais rico do mundo. 

A Tesla tem duas novas fábricas entrando em operação na Alemanha e no Texas. Essa seria uma boa notícia. Seria…

A nova capacidade pode reduzir as margens da empresa à medida que as despesas fixas afetam a demonstração de resultados enquanto a produção aumenta ao longo de um ou dois anos.

Tudo começou com uma pesquisa no Twitter

Em novembro, Musk sondou seus seguidores no Twitter sobre a eventual venda de 10% das suas ações na Tesla e a maioria votou pelo sim. 

Desde então, o bilionário vendeu cerca de 15,7 milhões de ações da empresa. Ele também já exerceu mais de 22,8 milhões de opções de ações desde que as transações começaram no mês passado.

Desta vez, o chefe da fabricante de carros elétricos vendeu mais 934 mil ações da Tesla e também exerceu opção de compra de cerca de 1,6 milhão em papéis com vencimento em agosto de 2022 a US$ 6,24 cada, segundo a CNBC, um benefício que lhe foi concedido em 2012.

Fuga dos impostos de Musk

É sabido que as vendas de ações de Musk pouco tem a ver com a pesquisa no Twitter: o executivo traçou uma rota de fuga das garras do Leão do imposto de renda. 

A expectativa é de que o bilionário pague o que provavelmente será a maior conta individual de tributos na história dos Estados Unidos, com impostos de renda federais e da Califórnia estimados em US$ 11 bilhões. 

De acordo com a CNBC, ele será obrigado a pagar esse imposto para receber uma compensação de mais de US$ 23 bilhões, na forma de opções de ações que, de outra forma, expirariam em agosto.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Mercados Hoje

Ibovespa abre em alta de mais de 1% puxado pelo exterior positivo e dólar recua a uma semana da reunião do Federal Reserve

As commodities permanecem no radar: o petróleo pode chegar aos US$ 100 e o minério de ferro avançou na China durante a madrugada

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro avança próximo da estabilidade e dólar cai de olho no exterior positivo e nos balanços dos bancos de hoje

As commodities permanecem em rota de valorização, com o petróleo e o minério de ferro em destaque hoje

O melhor do Seu Dinheiro

Um guia com 51 investimentos para 2022, a queda das ações tech na B3, Binance e outros destaques do dia

Confira os investimentos mais promissores do ano, além de uma análise completa dos riscos e oportunidades nas principais classes de ativos

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas buscam recuperação lá fora, de olho nos balanços do dia e Ibovespa foca no cenário doméstico

O presidente da República, Jair Bolsonaro, tem até sexta-feira (21) para decidir sobre o Orçamento e o reajuste dos servidores públicos

PAPO CRIPTO #010

Maior corretora de criptomoedas do mundo, Binance vê 2022 como o “ano da regulação” do mercado

“Existe um preconceito com o mercado de criptomoedas como um todo”, diz a representante da Binance no Brasil sobre países que proibiram a atuação da corretora

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies