🔴 DÓLAR A 5,38 E PODE SUBIR MAIS – VEJA COMO PROTEGER O SEU PATRIMÔNIO

Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
perspectivas

Temporada de balanços 1º tri: quem deve se sair bem e quem ainda está mal, segundo o BofA

Empresas começam a divulgar resultados de um período marcado por lockdowns e alta dos preços das commodities; veja o que esperar

Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
22 de abril de 2021
13:00 - atualizado às 17:36
Imagem: Shutterstock

Começa nesta sexta-feira (23) a temporada de balanços do primeiro trimestre de 2021, e a expectativa é de que a maioria das companhias que compõem o Ibovespa apresentem bons resultados, mesmo excluindo as empresas do setor de commodities, que voaram neste começo de ano.

A conclusão é do Bank of America (BofA), que projeta um crescimento médio de 43% do lucro por ação das companhias do principal índice da B3, não considerando aquelas ligadas a commodities.

Mas é preciso levar em consideração, segundo os analistas David Beker, Nicole Inui e Paula Andrea Soto, a baixa base de comparação do primeiro trimestre de 2020 e que deve influenciar os balanços.

“No ano passado, o lucro por ação foi pressionado para baixo devido à redução da atividade durante a pandemia, os efeitos do câmbio nos custos da dívida e maiores provisões dos bancos”, diz trecho do relatório.

Excluindo commodities, o setor que vai se destacar no primeiro trimestre será o financeiro, justamente pela expectativa de que os bancos não realizaram grandes provisões de recursos em seus balanços.

Para o BofA, o segmento de gastos discricionários deve registrar o maior aumento do lucro por ação em base anual, alta de 147%, puxado pelo segmento de distribuição de combustíveis e novamente pelo e-commerce, em especial o Magazine Luiza (MGLU3).

Já as operadoras de shopping centers devem continuar divulgando resultados baixos, afetados pelas medidas de restrição à circulação de pessoas adotadas no começo do ano para frear o ritmo de contaminação pela covid-19, assim como o setor de educação.

Commodities brilham novamente

Quem deve ser o destaque da temporada de balanços do primeiro trimestre é o setor de commodities, que tem grande peso no Ibovespa.

A alta das cotações no mercado internacional (minério de ferro, aço, celulose e cobre alcançaram máximas históricas) e a desvalorização cambial (o valor do real foi, em média, 23% menor que no mesmo período de 2020) devem resultar num crescimento médio de 115% da receita e 247% do lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês), segundo o BofA.

Compartilhe

MAQUININHA DE LUCRO

PagSeguro (PAGS34) dispara após balanço e puxa ações da Cielo (CIEL3); veja os números do resultado do 2T22

25 de agosto de 2022 - 17:28

A lucro da PagSeguro aumentou 35% na comparação com o mesmo período do ano passado e atingiu R$ 367 milhões

FIM DE TEMPORADA

Nos balanços do segundo trimestre, uma tendência para a bolsa: as receitas cresceram, mas os custos, também

19 de agosto de 2022 - 16:18

Safra de resultados financeiros sofreu efeitos do aumento da Selic, mas sensação é de que o pior já passou

Investidores gostaram

Nubank (NU; NUBR33) chega a subir 20% após balanço, mas visão dos analistas é mista e inadimplência preocupa

16 de agosto de 2022 - 12:03

Investidores gostaram de resultados operacionais, mas analistas seguem atentos ao crescimento da inadimplência; Itaú BBA acha que banco digital pode ter subestimado o risco do crédito pessoal

BALANÇO

Inter (INBR31) reverte prejuízo em lucro de R$ 15,5 milhões no segundo trimestre; confira os números

15 de agosto de 2022 - 21:01

No semestre encerrado em 30 de junho de 2022, o Inter superou a marca de 20 milhões de clientes, o que equivale a 22% de crescimento no período

BALANÇO DA HOLDING

Lucro líquido da Itaúsa (ITSA4) recua 12,5% no segundo trimestre, mas holding anuncia JCP adicional; confira os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 19:52

Holding lucrou R$ 3 bilhões no segundo trimestre e vai distribuir juros sobre capital próprio no fim de agosto

Resultados

Nubank (NUBR33) tem prejuízo acima do esperado no 2º tri, e inadimplência continuou a se deteriorar; veja os destaques do balanço

15 de agosto de 2022 - 18:42

Prejuízo líquido chegou a quase US$ 30 milhões, ante uma expectativa de US$ 10 milhões; inadimplência veio dentro do esperado, segundo o banco

Bife suculento

Marfrig (MRFG3) anuncia R$ 500 milhões em dividendos e programa de recompra de 31 milhões de ações; veja quem tem direito aos proventos e os destaques do balanço

12 de agosto de 2022 - 13:15

Mercado reage positivamente aos números da companhia nesta sexta (12); dividendos serão pagos em setembro

Balanço

Oi (OIBR3) sai de lucro para prejuízo no 2T22, mas dívida líquida desaba

12 de agosto de 2022 - 6:45

Oi reportou prejuízo líquido de R$ 320,8 milhões entre abril de junho, vinda de um lucro de R$ 1,09 bilhão no mesmo período do ano anterior

Balanço do 2º tri

Cenário difícil para os ativos de risco pesa sobre o balanço da B3 no 2º trimestre; confira os principais números da operadora da bolsa

11 de agosto de 2022 - 19:56

Companhia viu queda nos volumes negociados e também nas principais linhas do balanço, tanto na comparação anual quanto em relação ao trimestre anterior

BALANÇO

Apelo de Luiza Trajano não foi à toa: Magazine Luiza tem prejuízo de R$ 135 milhões no 2T22 — veja o que afetou o Magalu

11 de agosto de 2022 - 19:26

O Magalu conseguiu reduzir as perdas na comparação com o primeiro trimestre de 2022, mas em relação ao mesmo período de 2021, acabou deixando o lucro para trás

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar