Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-05-13T15:20:28-03:00
Estadão Conteúdo
Com ajuda da venda de ações

Lucro do BNDES cresce 78% e atinge R$ 9,8 bilhões no 1º trimestre

O Banco aproveitou o período próspero para antecipar um pagamento de R$ 38 bilhões e reduzir em 21% sua dívida com a União

13 de maio de 2021
15:20
BNDES
Imagem: Agência Brasil

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou lucro líquido de R$ 9,8 bilhões no primeiro trimestre, alta de 78% ante igual período de 2020, informou nesta quinta-feira (13) a instituição de fomento.

Segundo o BNDES, o resultado do primeiro trimestre do ano foi impulsionado pela venda de ações e pela intermediação financeira.

Mudanças na carteira

Os desembolsos para empréstimos já aprovados somaram R$ 11,3 bilhões nos três primeiros meses do ano, alta de 35% ante igual período de 2020. Já as vendas de ações de grandes companhias chegaram a R$ 12,6 bilhões, com destaques para os desinvestimentos das participações na mineradora Vale e na fabricante de papel e celulose Klabin.

Com isso, a carteira de participações societárias encerrou o primeiro trimestre avaliada em R$ 61,5 bilhões, 21,1% abaixo do valor do fechamento do quarto trimestre de 2020.

Além das vendas, a queda foi impactada pela "desvalorização dos investimentos em não coligadas, com destaque para Petrobras e Eletrobras", informa nota divulgada pelo BNDES.

O presidente do banco, Gustavo Montezano, destacou a saída total do capital da Vale, incluindo as debêntures participativas da companhia. O executivo ressaltou que o banco continuou com a estratégica de se retirar "de posições financeiras meramente especulativas".

"Continuamos com o reposicionamento da nossa carteira de ações", afirmou Montezano, que classificou os resultados do primeiro trimestre de "robustos" e afirmou que são uma continuidade dos resultados anuais de 2020.

Baixa inadimplência é destaque

O produto de intermediação financeira atingiu R$ 4,4 bilhões, aumento de 7,8% em comparação ao primeiro trimestre de 2020, segundo o banco de fomento. "A receita com operações de crédito e repasses aumentou 10,8% em relação ao primeiro trimestre de 2020, chegando a R$ 9,2 bilhões", diz a nota.

A inadimplência acima de 90 dias subiu de 0,01% da carteira, em 31 de dezembro de 2020, para 0,04% em 31 de março de 2021, "ficando bem aquém da inadimplência do Sistema Financeiro Nacional (2,19% em 31 de março de 2021)", conforme a nota do BNDES.

Após adotar uma suspensão das cobranças de dívidas, como medida para mitigar a crise causada pela covid-19, o índice de renegociação atingiu 51,85% da carteira bruta em 31 de março de 2021. A medida de suspensão temporária das cobranças alcançou 44,5% da carteira bruta.

O lucro do primeiro trimestre foi beneficiado ainda pela reversão de R$ 432 milhões de provisão para risco de crédito. "A reversão decorre de recuperação de créditos, principalmente por honra do Fundo de Garantia à Exportação (FGE), além da melhora da classificação de risco de algumas empresas", diz a nota do BNDES.

No primeiro trimestre de 2020, o BNDES registrou provisão de R$ 1,7 bilhão, influenciada pela revisão dos ratings dos setores mais afetados pela pandemia da covid-19. Com isso, o BNDES fechou o primeiro trimestre com ativo total de R$ 737,2 bilhões em 31 de março de 2021, diminuição de R$ 41,1 bilhões (5,3%) no trimestre.

Crescem os repasses à União

"A redução se deu, principalmente, devido ao pagamento antecipado de R$ 38 bilhões ao Tesouro Nacional e à desvalorização da carteira de participações societárias em função de oscilações dos papéis no mercado financeiro", diz a nota.

Após a devolução antecipada de R$ 38 bilhões, a dívida do BNDES com a União ficou em R$ 153,9 bilhões no encerramento do primeiro trimestre, uma queda de 21,2% em relação à posição em 31 de dezembro de 2020.

Além do pagamento antecipado, houve pagamentos ordinários de R$ 3,4 bilhões. A posição de Tesouraria do BNDES ficou em R$ 139,4 bilhões, disse a diretora financeira, Bianca Nasser.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro avança mais de 1% puxado pelo exterior e dólar abre estável

Os investidores permanecem de olho na votação da PEC dos precatórios, marcada para esta terça-feira (30)

O melhor do Seu Dinheiro

Onde investir o décimo terceiro, o avanço da ômicron, a disputa pela Latam e outros destaques do dia

A tão aguardada gratificação criada no governo de João Goulart cai na conta em duas parcelas, sendo a primeira até amanhã

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: mundo monitora avanço da variante ômicron da covid-19 em semana de Livro Bege e PIB brasileiro

Além disso, os contornos da disputa política de 2022 começam a ficar mais claros com a entrada de mais candidatos ao pleito

OMS ALERTA

Variante Ômicron representa risco global ‘muito elevado’ e é provável que se espalhe

OMS emitiu hoje um informe técnico sobre a cepa do coronavírus causador da covid-19 recentemente descoberta na África do Sul

MULTIFACETADO

‘Genial e visionário’: Virgil Abloh, diretor artístico da Louis Vuitton, morre aos 41 anos depois de luta contra forma rara de câncer

Estilista norte-americano ganhou notoriedade como diretor criativo do rapper Kanye West e fez história na LVMH

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies