Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-05-27T18:33:54-03:00
Estadão Conteúdo
Abafando rumores

CEO Global do Credit Suisse nega suposta venda da filial brasileira em vídeo

As expectativas para a eventual negociação cresceram após a notícia de que José Olympio deixaria a presidência do banco após 10 anos no cargo

27 de maio de 2021
15:08 - atualizado às 18:33
Credit Suisse
Imagem: Shutterstock

O CEO Global do Credit Suisse, Thomas Gottstein, disse serem falsas as informações sobre suposta venda da unidade brasileira. A afirmação foi feita em vídeo postado pelo Credit Suisse Brasil na quarta-feira (26) em seu site.

Gottstein visitou o Brasil neste último final de semana e, em gravação estilo entrevista, conversou com o presidente do conselho do CS, Ilan Goldfajn.

O executivo brasileiro perguntou o que o CEO achava das informações que circularam recentemente a respeito de um discussão preliminar com competidores do mercado sobre a possível venda das operações no Brasil.

"Posso dizer que são notícias falsas e que o Credit Suisse Brasil é absolutamente estratégico para nós, não houve nenhuma discussão. Pelo contrário, queremos investir tanto em nossa capacidade de private banking e também na capacidade de banco de investimento, e temos capacitações em gestão que vemos como oportunidade muito interessante para o crescimento futuro", respondeu o CEO.

Saída de José Olympio esquentou os rumores

A postagem ocorreu no mesmo dia em que José Olympio Pereira formalizou seu desejo de deixar a presidência do Credit Suisse no Brasil, cargo que ocupou por 10 anos.

O anúncio aumentou as expectativas de que a filial seria vendida. O movimento também era esperado depois do prejuízo bilionário que o banco teve no exterior com a alavancagem das operações da gestora norte-americana Archegos, que resultaram em perdas acima de US$ 5 bilhões.

A percepção de que o CS terá de se desfazer de ativos está presente no mercado brasileiro e internacional.

XP no negócio?

Paralelamente, circularam informações de que a XP teria conversado diretamente com a matriz do Credit Suisse sobre eventualmente ficar com a operação brasileira do banco suíço. O Credit Suisse negou por meio de nota a venda na ocasião.

O fundador da XP, Guilherme Benchimol, não negou manifestação de interesse à matriz em conversa recente com jornalistas, apenas afirmando que não poderia comentar o assunto quando perguntado.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Fechamento Hoje

Tensão entre Rússia e Ucrânia e expectativa com reunião do Fed derrubam bolsas pelo mundo, e Ibovespa cai quase 1%, mas NY vira para o azul na reta final

Wall Street consegue uma virada impressionante e fechar em alta, depois de índices terem chegado a cair mais de 3%; Ibovespa reduziu perdas, mas ainda fechou com queda significativa, enquanto dólar subiu

NOVOS NEGÓCIOS

Google está de olho nas criptomoedas e vai criar unidade de negócio dedicada ao blockchain; entenda o que está por trás da decisão

Antes de se aventurar, gigante de tecnologia assistiu com cautela as movimentações das concorrentes para entrar no mercado de criptomoedas

MELHORA ARTIFICIAL

Pedidos de recuperação judicial caem em 2021 ao menor nível desde 2014

Para os especialistas os números do ano passado não representam uma recuperação econômica, mas uma melhora artificial no ambiente de negócios promovida por políticas públicas pontuais

APOSTA NA SIDERURGIA

A vez da Usiminas: BTG estima alta de mais de 55% para USIM5 nos próximos meses; saiba o que pode impulsionar as ações

Segundo os analistas, a empresa negocia nos múltiplos mais baixos da década e deve surfar na recuperação dos preços do aço

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies