Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-11-05T09:44:49-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: payroll dita o ritmo das bolsas hoje, mas risco fiscal e balanços seguem no radar do investidor

Além disso, o leilão do 5G já é a segunda maior licitação e caminha para o segundo dia hoje após arrecadar R$ 7,089 bilhões só no primeiro dia

5 de novembro de 2021
7:50 - atualizado às 9:44
payroll
O trabalho nos EUA deve movimentar o mercado hoje, mas a vacinação pode ser um empecilho para o crescimento do emprego; entenda - Imagem: Shutterstock

A sexta-feira (05) de uma semana mais curta começa de olho na continuidade do leilão do 5G, enquanto o payroll, o dado mais esperado da semana, também deve ser divulgado agora pela manhã e ditar o ritmo dos negócios. No cenário doméstico, os reflexos da PEC dos precatórios devem continuar pressionando a bolsa hoje. 

Nesse cenário, o Ibovespa fechou o dia em uma queda acentuada de 2,09%, aos 103.412 pontos, enquanto o dólar à vista avançou 0,29%, a R$ 5,6061.

Com o risco fiscal ainda presente, o investidor nacional deve ficar de fora da festa (mais uma vez) dos índices internacionais, que operam com uma tendência de alta hoje, antes do relatório de emprego dos EUA.

Os balanços após o fechamento de ontem (04) e antes da abertura de hoje devem dar o tom dos negócios junto com o payroll

No campo político 

O mercado reagiu mal à aprovação da PEC dos precatórios na madrugada de quarta-feira (03) para quinta-feira (04). O racha político para a aprovação do texto na primeira votação na Câmara já não gera esperança de que a proposta seja aprovada em segundo turno ou mesmo no Senado Federal. 

De qualquer maneira, a PEC não chegou a animar os investidores. Por mais que o parcelamento dos precatórios (vistos como um calote das dívidas que o governo tem com o judiciário) abra espaço no teto de gastos, o uso político dessa medida é mau visto pelo mercado em geral.

A proposta segue para segundo turno de votação na Câmara na próxima terça-feira (09) e terá que ser aprovada no Senado também em dois turnos.

Internet 5G

O leilão da frequência do 5G, a nova geração da internet no Brasil, já é a segunda maior licitação do Brasil em volume, com R$ 7,089 bilhões, um ágio de 247% sobre o lance mínimo, perdendo apenas para o leilão do pré-sal, que gerou R$ 69,96 bilhões de receita para União. 

Hoje deve ocorrer o segundo dia de licitações do 5G, que deve oferecer a faixa de 26 GHz, que tem o compromisso de levar conectividade até as escolas públicas urbanas e rurais.

Payroll x Vacina

O dado mais esperado da semana será divulgado nesta sexta-feira. O relatório de empregos, chamado payroll, deve criar de 300 mil até 680 mil vagas em outubro, com uma mediana positiva em 400 mil novos postos de trabalho, de acordo com as projeções do Broadcast. 

Dessa forma, o desemprego em outubro deve cair de 4,8% para 4,7%. Os números, entretanto, podem decepcionar pelo aumento de greves no país e exigências quanto à vacinação de funcionários. 

Uma medida do presidente americano Joe Biden obrigando a vacinação de funcionários de grandes empresas gerou uma onda de demissões no país. Somado a isso, medidas locais de cada estado sobre imunização também devem refletir no payroll. Segundo dados do Goldman Sachs, 66% da população dos EUA recebeu ao menos uma dose do imunizante contra a covid-19.

Por outro lado, alguns analistas acreditam que esse impacto não deva ser tão significativo nessa primeira leitura de outubro, mas os próximos meses podem ser pressionados. 

Bolsas pelo mundo

Os principais índices asiáticos encerraram o pregão desta sexta-feira majoritariamente em baixa, com a volta dos temores envolvendo o setor imobiliário chinês. Além das ações da Evergrande terem caído 2,54% na sessão, a suspensão de negócios dos papéis de outra incorporadora da China também levantaram suspeitas de calote da dívida. 

Já no Velho Continente, as bolsas operam de maneira mista após a abertura, à espera dos dados do payroll dos Estados Unidos e reagindo aos dados da indústria alemã, que vieram abaixo do esperado.

Por fim, os futuros de Nova York operam no campo positivo antes da divulgação dos dados de emprego dos Estados Unidos. 

Agenda do dia

  • Anatel: Segundo dia do leilão do 5G (9h)
  • Estados Unidos: Departamento de trabalho divulga  relatório de empregos (payroll) e a taxa de desemprego em outubro (9h30)
  • COP26: Vice-presidente da República, Hamilton Mourão, participa da conferência de comércio internacional de serviços do mercosul (10h)
  • COP26: Ministro da Economia, Paulo Guedes, participa da conferência de comércio internacional de serviços do mercosul (10h15)
  • COP26: Ministro da Economia, Paulo Guedes, participa com o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, de painel da 26ª Conferência da COP-26 (13h)
  • Ministério da Economia: Adolfo Sachsida participa de live organizada pela Genial Investimentos (14h)
  • Aneel: Reunião extraordinária para debater o leilão emergencial de fornecidmento de energia elétrica em meio à crise hídrica (17h30)

Balanços

  • Brasil: Embraer (antes da abertura)
  • Brasil: M. Dias Branco (após o fechamento)
Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

NOVATA NA FINAL

Não estranhe: patrocinadora da final entre Palmeiras e Flamengo é a nova corretora de criptomoedas do Brasil; conheça Crypto.bom

A exchange resolveu investir no segmento de esportes e patrocina Fórmula 1, NBA e até o campeonato europeu

Raio-X

Análise: Por que a alta da inflação pode ameaçar o pacote de infraestrutura de Joe Biden?

O presidente americano tem ambiciosos planos pela frente, mas a alta da inflação e gargalos estruturais da economia podem alterar o rumo

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar

O MELHOR DA SEMANA

Piora da covid no mundo e criptomoedas além do bitcoin (BTC): 5 assuntos mais lidos no Seu Dinheiro esta semana

O mercado já trabalhava amplamente com a visão do verdadeiro normal. Mas os mercados globais voltaram a entrar em pânico com a covid-19

PAPO CRIPTO #007

Tecnologia que criou o bitcoin (BTC) pode reduzir custo de captação de recursos em quase 70%, diz chefe de ativos digitais do BTG

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos”, comenta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies