Menu
2020-01-09T17:38:04-03:00
Estadão Conteúdo
Prazo apertado

Trump diz que próximas negociações com a China não devem terminar antes das eleições nos EUA

Presidente norte-americano afirmou que conversas sobre a segunda fase serão iniciadas logo após a assinatura da “fase 1”

9 de janeiro de 2020
15:25 - atualizado às 17:38
Donald Trump
Imagem: Giphy

O presidente americano, Donald Trump, afirmou nesta quinta-feira, 9, na Casa Branca que a próxima etapa de negociações com a China provavelmente não terminará até as eleições presidenciais americanas, em novembro deste ano. As conversas sobre a segunda fase, contudo, serão iniciadas logo após a assinatura da "fase 1", repetiu.

A primeira fase do acordo bilateral será assinada no próximo dia 15, em Washington, mas o porta-voz do Ministério do Comércio da China, Gao Feng, disse hoje que "não tem informações" sobre a segunda fase de negociações.

Trump também afirmou que um dos objetivos a serem priorizados na próxima fase do acordo comercial é a abertura do mercado chinês.

Irã

Em relação ao Irã, com quem os Estados Unidos enfrentaram fortes tensões nas últimas semanas, Trump voltou a dizer que a nação persa "nunca terá uma arma nuclear e sabe disso" e que as sanções econômicas adicionais, anunciadas pelo republicano ontem, começarão "imediatamente".

Trump também disse que "tenho minhas suspeitas" em relação ao avião fabricado pela Boeing que caiu no Irã logo após a decolagem. Por enquanto, o motivo da queda ainda é desconhecido. Chegaram a ser apontados defeitos técnicos, mas a Ucrânia diz que um míssil iraniano é uma possibilidade.

*Com Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

ficou para esta quinta

Para privatizar Eletrobras, governo aceita mais 19 emendas à MP

Por acordo entre os senadores, o texto da MP será votado apenas amanhã, 17, a partir das 10h, e até lá, eles poderão apresentar sugestões de destaques, que podem alterar o teor do parecer

seu dinheiro na sua noite

A Selic subiu mais um pouco – e na próxima reunião tem mais

Esta “Super Quarta” terminou com os bancos centrais brasileiro e americano apertando um pouquinho mais a torneirinha dos juros. A inflação pressiona, aqui e na terra do Tio Sam, e as autoridades monetárias querem mostrar que permanecem vigilantes. O Federal Reserve ainda não elevou propriamente as taxas de juros, que foram mantidas entre zero e […]

Entrevista

Sinais do Copom apontam para Selic a 7% no fim do ano, diz Padovani, do banco BV

Economista-chefe do banco BV, Roberto Padovani destacou o tom mais ríspido do Banco Central e a indicação de que a Selic continuará em alta

MUDANÇA NOS JUROS

COMPARATIVO: Veja o que mudou no novo comunicado do Copom

Veja o que ficou igual e o que mudou no comunicado da decisão do Copom a respeito da taxa Selic, elevada ao patamar de 4,25% ao ano

Subiu de novo

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 4,25% ao ano

Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central elevou a Selic mais uma vez

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies