Menu
2020-01-16T09:39:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
avaliação

China tem espaço para novos cortes compulsórios, diz diretor do banco central do país

Segundo Sun Guofeng, China precisa reservar algum espaço em sua política para combater eventuais riscos do setor financeiro

16 de janeiro de 2020
9:37 - atualizado às 9:39
China
China - Imagem: Shutterstock

A China tem espaço limitado para novas reduções dos compulsórios bancários, uma vez que o governo do país precisa evitar riscos do setor financeiro, afirmou hoje Sun Guofeng, diretor de política monetária do PBoC, como é conhecido o banco central chinês.

Segundo Sun, a taxa de compulsório média caiu para 9,9% desde o corte mais recente, anunciado no começo do mês.

O compulsório chinês é relativamente baixo em relação aos de economias desenvolvidas e a China precisa reservar algum espaço em sua política para combater eventuais riscos do setor financeiro, explicou o diretor.

Sun ressaltou, porém, que o PBoC irá considerar reduzir os compulsórios de novo este ano se a economia enfrentar novas pressões negativas.

Ele previu também que a China não enfrentará inflação ou deflação no longo prazo, embora os preços ao consumidor tenham subido rapidamente em meio a uma escassez de carne suína, enquanto os preços ao produtor estejam caindo há vários meses.

Sun comentou ainda que o yuan foi impulsionado pela expectativa criada pelo acordo comercial preliminar entre EUA e China - que foi assinado em Washington ontem -, o que também ajudou a fortalecer a confiança dos mercados globais.

*Com Dow Jones Newswires e Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Triste marca

Brasil registra mais de 500 mil mortos por covid-19

Em 24 horas foram 2.301 óbitos e 82.288 novos casos. Em nota, Conass ressalta que o Brasil tem 2,7% da população mundial, e é responsável por 12,8% das mortes

Here comes the sun

Energia solar ruma para liderança no País até 2050

O sol será responsável por 32% da geração, ao mesmo tempo em que a participação das hidrelétricas deve cair para cerca de 30%

ESTRADA DO FUTURO

Os três setores mais lucrativos em tecnologia, e por que você deve investir neles

Integração entre softwares e Inteligência Artificial são dois dos segmentos que devem fazer parte de qualquer portfólio de investimentos vencedor

Ano de eleição

Promessas de Bolsonaro estouram “folga” do Orçamento em 2022

A ampliação do Bolsa Família e um eventual aumento de 5% nos salários do funcionalismo público já superam o espaço adicional de R$ 25 bilhões para o próximo ano

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies