Menu

Projetos Especiais

Seu Dinheiro Premium

2020-06-22T11:28:25-03:00
SD Branding
Panorama da semana

Retomada no exterior, Queiroz e crise em Brasília: o que mexe com a bolsa nos próximos dias

Toda segunda-feira o Victor Aguiar traz uma análise detalhada sobre os acontecimentos e divulgações que podem mexer com a bolsa durante a semana para que você não seja pego desprevenido e tenha tempo de se posicionar

22 de junho de 2020
13:00 - atualizado às 11:28
Brasília
Imagem: Shutterstock

Os investidores estão ansiosos para saber os resultados da retomada econômica no exterior e nesta semana diversos indicadores trazem um termômetro da velocidade de recuperação da atividade ao redor do globo.

No Brasil, além da agenda de divulgações econômicas, os agentes financeiros também monitoram o clima em Brasília. A prisão do ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, continua repercutindo no mercado, assim como as negociações entre o governo e o Centrão.

Além disso, a semana ainda conta com a divulgação da ata da última reunião do Copom, onde os investidores buscam mais dicas sobre as atuações futuras do Banco Central brasileiro, mesmo após a instituição adiantar que um novo corte residual pode acontecer na próxima reunião. Confira alguns dos destaques para a semana:

Segunda-feira (22):

  • Europa: Comissão Europeia revela o índice de confiança do consumidor em junho
  • Ásia: Japão divulga PMI de serviços; 22ª Conferência EU-China (virtual)
  • OCDE realiza webinar sobre confiança após crise

Terça-feira (23):

  • Brasil: IPC-S da 3ª quadrissemana de junho; BC: ata do Copom.
  • Europa: Zona do euro divulga PMI do setor de serviços e composto de junho
  • EUA: PMI do setor de serviços e composto de junho; vendas de moradias novas em maio
  • Argentina: PIB do 1º trimestre

Quarta-feira (24):

  • Brasil: transações correntes de maio; IDP de maio
  • FMI realiza videoconferência de imprensa com atualização do panorama econômico

Quinta-feira (25):

  • Brasil: IPC-Fipe da 3ª quadrissemana de junho; RTI do 2º trimestre; IPCA-15 de junho; INCC-M de junho
  • EUA: novos pedidos de auxílio-desemprego na última semana ; 3ª estimativa do PIB dos EUA do 1º trimestre; RTI do 2º trimestre
  • Europa: BCE realiza reunião de política monetária.

Como esses eventos podem impactar os seus investimentos? O Victor Aguiar te explica nesta matéria. Além disso, você pode conferir o calendário completo de eventos nacionais e internacionais, com destaque para tudo aquilo que você deve ficar de olho.

Toda segunda-feira o Victor traz uma análise detalhada sobre os acontecimentos e divulgações que podem mexer com a bolsa durante a semana para que você não seja pego desprevenido e tenha tempo de se posicionar.

O "Segredos da Bolsa" é um benefício exclusivo SD Premium. Caso você ainda não seja um leitor Premium do Seu Dinheiro, pode conferir todos os benefícios que te esperam clicando aqui. Este é o melhor pequeno investimento que você pode fazer pagando menos que um cafézinho.

Os primeiros 30 dias são gratuitos. Além do panorama da semana, você também pode conferir as principais ações e FIIs recomendados para o mês e, caso não goste do conteúdo, cancelar sem prejuízos.

CONHEÇA AS VANTAGENS DE SER UM LEITOR PREMIUM

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

coronavírus no país

Covid-19: Brasil tem 41,8 mil novos casos e 1.300 óbitos em 24h

Até o momento, 1.209.208 de pessoas se recuperaram da doença

gestor lendário

Ray Dalio volta a dizer que dinheiro é ‘o pior ativo’ e prega diversificação sem ‘real estate’

Dalio participou na noite desta terça-feira (14) de uma das sessões da Expert XP e disse que ativos do mercado imobiliário não são recomendados para a carteira diversificada idealizada por ele

seu dinheiro na sua noite

100 mil é o limite?

No ápice do pânico nos mercados provocado pelo coronavírus, ninguém era capaz de dizer quando (ou quanto) seria o fundo do poço da bolsa. Hoje a grande dúvida dos investidores é saber se chegamos ao teto ou o Ibovespa pode subir ainda mais. O que mais me impressiona não foi nem a mudança da pauta nos mercados, […]

Risco elevado

Preços de ativos têm motivos para subir, mas é hora de pensar em comprar guarda-chuva em dia de sol, diz SPX

Gestora considera que riscos ainda estão elevados e manifestou dúvidas em relação à sustentabilidade do atual nível de estímulo e endividamento global

Bolsa em alta

Petrobras e Vale têm ganhos firmes e puxam a recuperação do Ibovespa; dólar cai

Dados mais fortes na China deram forças ao setor de commodities, impulsionando as ações da Vale e da Petrobras e ajudando o Ibovespa como um todo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements