Menu
2020-04-30T06:53:16-03:00
Estadão Conteúdo
balanço

Lucro da operadora Claro recua 41,6% no 1º trimestre, para R$ 186 milhões

Operadora encerrou o mês de março com 55,1 milhões de clientes móveis

30 de abril de 2020
6:53
Homem usando celular caminha próximo à fachada de loja da operadora Claro, no centro do Rio de Janeiro.
Claro é uma das principais empresas de telecom do Brasil e pertence ao grupo mexicano América Móvil - Imagem: FÁBIO MOTTA/ESTADÃO CONTEÚDO/AE/

A operadora de telecomunicações Claro, controlada pela mexicana América Móvil, registrou no primeiro trimestre de 2020 lucro líquido de R$ 186,49 milhões, uma queda de 41,65% na comparação anual.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) avançou 7,8% no período, para R$ 3,68 bilhões. A receita líquida da operadora subiu 3,5% na comparação anual, para R$ 9,3 bilhões.

No intervalo entre janeiro e março deste ano, a base de assinantes do segmento pré-pago alcançou 26,8 milhões. Incluindo os clientes do serviço pós-pago, a operadora encerrou o mês de março com 55,1 milhões de clientes móveis.

A respeito da pandemia do novo coronavírus, a companhia afirma estar "ciente de que esta crise tem um impacto ainda limitado no desempenho operacional e financeiro deste primeiro trimestre de 2020, e de que os próximos meses serão muito mais desafiadores, especialmente enquanto o cenário de isolamento for mantido", diz.

De acordo com a Claro, a empresa tem adotado diversas ações em prol dos clientes, "como a flexibilização das políticas de cobrança e o incremento do nível de digitalização no relacionamento", para manter os consumidores "conectados e usufruindo de nossos serviços em um momento crítico como esse".

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Disparou

Dívida bruta do governo deverá encerrar o ano em 96% do PIB

Endividamento cresceu 20,2 pontos por causa de pandemia.

fechando a conta

Mais um tombo aí? Ibovespa cai 3% e termina outubro no vermelho, com avanço da covid-19

Índice tem novas perdas fortes em semana difícil e fecha mês em queda de 0,7%. Desempenho reflete mau humor de Nova York com coronavírus e a sangria das ‘big techs’, antes das eleições dos Estados Unidos, fator de incerteza adicional. Após intervenção do Banco Central e com a formação da Ptax, dólar tem queda

pandemia

Governo vai comprar vacina desenvolvida na China, diz Mourão

Vice-presidente disse que polêmica em torno da vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan é “briga política” com Doria

DESTAQUE DO DIA

Suzano se descola do Ibovespa e sobe mais de 1% após resultados do 3º trimestre

Analistas destacam que Ebitda superou estimativas e elogiam fluxo de caixa livre e desalavancagem

sob pressão

Inflação e redução do auxílio emergencial já derrubam vendas nos supermercados

Em outubro, a prévia da inflação, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor-15 (IPCA-15) atingiu 0,94%. O resultado é mais que o dobro da inflação registrada em setembro e a maior alta para o mês em 25 anos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies