Menu
2020-08-18T10:08:00-03:00
Estadão Conteúdo
Traços do novo coronavírus

Hong Kong suspende importação de carne de frango de unidade da Aurora em SC

O comunicado informa que o CFS ao saber do incidente, em 13 de agosto, imediatamente contatou autoridades de Shenzhen e do Brasil para entender o caso, e acompanhou os principais importadores e varejistas locais

18 de agosto de 2020
10:07 - atualizado às 10:08
Embalagem de carne bovina
Imagem: Shutterstock

O governo de Hong Kong, província autônoma da China, suspendeu a importação de carne de frango da unidade da Aurora Alimentos de Xaxim (SC), conforme comunicado divulgado nesta terça-feira, 18, no site do Centro de Segurança Alimentar (CFS, na sigla em inglês) do país. A medida, segundo o órgão, deve-se à presença de traços de novo coronavírus em lote de asa de frango congelada pertencente ao frigorífico brasileiro e detectada na semana passada pelo município de Shenzhen.

"Por uma questão de prudência, o CFS também suspendeu temporariamente o pedido de licença de importação de carne de frango para Hong Kong da fábrica em questão (número de registro: SIF601), enquanto espera por mais investigação do caso e detalhes de teste das autoridades competentes", diz o comunicado.

O Departamento não cita nominalmente a empresa, mas sim seu número de registro no Serviço de Inspeção Federal (SIF).

O comunicado informa que o CFS ao saber do incidente, em 13 de agosto, imediatamente contatou autoridades de Shenzhen e do Brasil para entender o caso, e acompanhou os principais importadores e varejistas locais.

"Uma investigação revelou que o lote de asas de frango em questão ainda não estava à venda em Hong Kong", acrescenta a nota.

O órgão disse também que após o ocorrido em Shenzhen coletou 40 amostras de carne de frango congelada do Brasil em níveis de importação e atacado para teste da covid-19 "como medida de precaução". "Todas as amostras foram negativas para a covid-19", afirmou o CFS no comunicado.

Na nota, o CFS destaca que, de acordo com a Organização Mundial de Saúde e autoridades globais de segurança alimentar, não há evidências que indiquem que humanos possam ser contaminados pela covid-19 por meio da ingestão de alimentos.

"O CFS continuará acompanhando o incidente e tomará as medidas cabíveis à luz do desenvolvimento mais recente", conclui o Departamento no comunicado.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

retomatada

Criação de empregos em agosto atinge melhor nível em nove anos

Segundo dados divulgados pelo Caged, 249.388 postos de trabalho com carteira assinada foram abertos no último mês

para substituir celso de mello

Indicação ao STF: Nome de Bolsonaro, Kassio Marques é discreto e bem avaliado

O desembargador, que tem 48 anos, se nomeado, poderá ficar na Corte até 2047

chefe do bc

Houve aumento da volatilidade e na proporção de minicontratos de dólar, diz Campos Neto

O chefe do Banco Central, no entanto, disse que “não é necessariamente uma relação de causa”

papéis com desconto

Raia Drogasil sobe forte com plano de expansão; veja o que dizem analistas

Papéis da rede de farmácias (RADL3) subiam 6,70%, a R$ 23,40, no início da tarde desta quarta; empresa anunciou plano de expansão e modernização das lojas

Dois meses de adiamento

Congresso cancela análise de vetos de Bolsonaro

Cancelamento prorroga a análise dos vetos às propostas de desoneração da folha salarial para 2021 e do novo marco legal do saneamento básico, entre outros itens polêmicos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements