Menu
2020-05-30T09:18:20-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
de olho no balanço

Cosan tem queda de 74,2% no lucro do primeiro trimestre

Lucro líquido foi de R$ 102,2 milhões; receita líquida da companhia cresceu 7,2% no primeiro trimestre, na comparação anual, para R$ 18,285 bilhões

30 de maio de 2020
9:18
Cosan
Imagem: Shutterstock

A Cosan encerrou o primeiro trimestre de 2020 com lucro líquido de R$ 102,2 milhões, um número 74,2% menor que os R$ 395,7 milhões apurados no mesmo período do ano passado.

A companhia divulgou, ainda, o lucro ajustado, que no trimestre ficou em R$ 90,6 milhões, recuo de 77,4% na mesma base comparativa.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) também foi apresentado pela empresa nos critérios reportado e ajustado. No primeiro, o número ficou em R$ 1,982 bilhão entre janeiro e março, alta de 36,7% na comparação interanual.

No critério ajustado, o Ebitda do primeiro trimestre do ano ficou em R$ 1,769 bilhão, alta de 21,1%. Os ajustes excluem efeitos de resultados não realizados na Raízen Combustíveis e Raízen Energia, além de outros efeitos pontuais.

A receita líquida da companhia cresceu 7,2% no primeiro trimestre, na comparação anual, para R$ 18,285 bilhões.

A Cosan investiu R$ 933 milhões no primeiro trimestre, contra R$ 920,6 milhões na mesma base comparativa, um crescimento de 1,3%. Além disso, a empresa queimou R$ 556,3 milhões em caixa entre janeiro e março, ante geração de R$ 1,712 bilhão no mesmo período de 2019.

O resultado financeiro ficou negativo em R$ 623,2 milhões no trimestre.

A dívida líquida aumentou 5,8% nos três primeiros meses do ano, para R$ 12,276 bilhões. Assim, a alavancagem da Cosan, medida pela relação dívida líquida/Ebitda, chegou a 1,9 vez no período, contra 2 vezes no primeiro trimestre de 2019.

Neste mês, o banco BTG manteve a recomendação de compra da Cosan e elevou o preço-alvo da ação de R$ 81 para R$ 83. Analistas ressaltaram a diversificação no portfólio, o que diminui os efeitos da crise no setor sucroalcooleiro.

Ainda assim, o BTG vê que a recuperação nos preços do açúcar a partir de 2021 vai impactar no mercado de etanol, o que afeta diretamente as operações da empresa.

No comunicado de divulgação de resultados, a empresa afirmou que embora o ano tenha iniciado com uma perspectiva positiva no Brasil, a chegada da pandemia do novo coronavírus alterou as expectativas e prioridades da companhia para 2020.

As medidas de isolamento social adotadas em quase todas as regiões do País levaram a uma queda expressiva na demanda por combustíveis, o que diminuiu os volumes de venda e acabou resvalando nas operações da Cosan. Apesar da crise, a empresa se demonstrou otimista com os resultados.

"Avaliamos tempestivamente e cautelosamente as necessidades de liquidez e reforçamos nossa posição de caixa nas operações. Essa combinação tem se mostrado vencedora em cenários adversos nos últimos anos e estamos confiantes que superaremos esse também", afirmou o comunicado.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

finalmente vai sair

CSN acerta preço para viabilizar IPO de unidade de mineração

Oferta será apenas secundária, com a empresa vendendo sua participação na subsidiária para reduzir endividamento

ESG

Vale começa a dar primeiros passos para sair do negócio de carvão

Mineradora assina acordo para adquirir participação da Mitsui em projeto em Moçambique, para depois vender ativos a outro interessado

Fundos imobiliários

Fundos de CRI brilharam em 2020, e o melhor deles rendeu 59%; conheça sua estratégia

Em um ano difícil para os fundos imobiliários, os chamados fundos de recebíveis conseguiram resistir, e em alguns casos deram retornos formidáveis; conheça o Hectare Crédito Estruturado (HCTR11), o FII mais rentável de 202

pandemia

Brasil registra 1.340 mortes por covid-19 em 24h

Resultado ficou atrás apenas do dia 7 de janeiro, quando foram confirmadas 1.524 novos falecimentos

seu dinheiro na sua noite

Tudo caiu – até o forward guidance

Os mercados domésticos ficaram hoje divididos sob a influência de acontecimentos distintos, o que resultou em um comportamento geral incomum: tudo caiu. O Ibovespa perdeu o patamar dos 120 mil pontos e fechou em queda, na contramão das bolsas americanas, animadas pela posse do novo presidente Joe Biden e a nova fornada de estímulos fiscais […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies