Menu
2020-08-25T13:30:27-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
balanço

Cogna tem prejuízo de R$ 451 milhões e espera maior perda com inadimplência

Prejuízo líquido ajustado foi de R$ 140 milhões, resultado é pior do que o esperado por analistas; companhia aumentou provisão para crédito de liquidação duvidosa

21 de agosto de 2020
7:14 - atualizado às 13:30
Painel colorido com o símbolo da Cogna
Imagem: Divulgação/Cogna

A Cogna Educação, antiga Kroton, anunciou prejuízo de R$ 451,971 milhões no segundo trimestre. Há um ano, a companhia havia registrado lucro de R$ 139,838 milhões.

O prejuízo líquido ajustado foi de R$ 140 milhões - considerando amortização de intangível e mais valia de estoque. Porém, analistas do mercado falavam em perdas de R$ 37 milhões, segundo a Bloomberg.

A receita líquida do grupo somou R$ 1,372 bilhão no segundo trimestre, queda de 21,2% sobre igual período de 2019. A empresa atribuiu o resultado à redução na base de alunos e do ticket médio do ensino presencial.

"Nas unidades próprias, fica evidente a queda de relevância do Fies, cuja receita apresentou queda de 48%, assim como a menor contribuição da receita de PMT, em função da queda significativa de captação a partir do fechamento temporário das unidades na segunda quinzena de março".

Entre os pontos negativos informados pela companhia também está o aumento da provisão para crédito de liquidação duvidosa (PCLD), que subiu de R$ 213 milhões há um ano para R$ 500 milhões. A linha representa valor que a empresa pode perder com clientes inadimplentes.

Porém, a Cogna diz que as perdas foram parcialmente compensadas pelo crescimento da base de alunos do ensino digital. O ensino digital nas unidades próprias registrou alta de 74% na receita.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ficou negativo em R$ 139,485 milhões, contra um indicador positivo de R$ 624,787 milhões no mesmo intervalo do ano passado.

O resultado financeiro negativo registrou uma leve melhora de 2,6% entre o segundo trimestre de 2019 e o segundo trimestre de 2020, para R$ 186,588 milhões.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Crescimento

Vale (VALE3) prevê investir US$ 2,7 bilhões na região norte até 2024

Companhia pretende ainda investir US$ 5,8 bilhões em 2021, dos quais US$ 1 bilhão serão apenas para expansão

ESTRADA DO FUTURO

Grafeno, urânio e lítio… cuidado com a obsessão de enriquecer com a próxima tecnologia do futuro

O boom de empresas de tecnologia alimenta uma esperança quase ingênua de enriquecer “horrores” descobrindo como esses materiais moldarão o nosso futuro. Vou ser totalmente transparente com você: não gosto da ideia.

Tamanho menor

Zara fecha sete lojas no Brasil em plano de reorganização

O plano da empresa foi traçado em 2020 e, no Brasil, começou ainda no ano passado, com o fechamento de lojas nas cidades de Joinville (SC) e São José dos Campos (SP)

Seu Dinheiro no sábado

A única coisa que Bill Gates não pode comprar

Troca de presidente nos Estados Unidos, início da vacinação para covid no Brasil e comunicado do Banco Central com vocabulário novo. A semana que se encerra trouxe novidades importantes. É bem verdade que também teve notícia velha, daquelas que encontramos todos os dias: disputas políticas entre Jair Bolsonaro e João Dória, caos nos hospitais públicos […]

Sem dieta

McDonald’s tem planos de abrir 50 novos restaurantes na América Latina, 80% deles no Brasil

Rede pretende investir até US$ 130 milhões (R$ 690 milhões) na região e também quer reforçar o drive-thru, delivery e o aplicativo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies