Menu
2020-12-14T18:58:45-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Educação na bolsa

Cogna projeta retomar Ebitda de 2019 apenas em 2024

A rede de educação espera alcançar novamente o patamar de R$ 2,4 bilhões de Ebitda em 2024 e deve detalhar as projeções em evento com investidores que acontece hoje

14 de dezembro de 2020
10:49 - atualizado às 18:58
Sala de aula com alunos e professor Ânima Cogna Yduqs
Imagem: Shutterstock

A rede de educação Cogna deve levar cinco anos para recuperar os níveis de Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) obtidos em 2019. Pelo menos essa é a sinalização dada nas projeções divulgadas pela companhia na manhã desta segunda-feira.

A Cogna anunciou que espera registrar um Ebitda recorrente de R$ 1 bilhão neste ano, o que representa um tombo de 59% em relação aos R$ 2,422 bilhões registrados em 2019. A empresa espera alcançar novamente o patamar de R$ 2,4 bilhões em 2024.

Leia também:

Para os investidores, tão ou mais importante que o Ebitda é o quanto a empresa pretende efetivamente gerar de caixa. Nesse quesito, a Cogna informou que a geração de caixa operacional após os investimentos deve ficar em R$ 230 milhões neste ano — queda de 43% em relação a 2019 — e em R$ 1 bilhão em 2024.

A Cogna é uma das empresas que mais sofreu na bolsa em 2020. No ano, as ações da companhia (COGN3) acumulam queda de mais de 50%.

No pregão de hoje, os papéis reagiram inicialmente bem à divulgação das projeções. Mas a animação não durou muito, e as ações acabaram virando para queda, fechando em baixa de 5,47%, a R$ 5,01.

A Cogna detalhou as projeções em evento com investidores na tarde de hoje. A empresa de educação reforçou o caixa com a abertura de capital da subsidiária Vasta na Nasdaq, mas o nível de alavancagem da companhia ainda preocupa o mercado.

A Cogna encerrou o terceiro trimestre com uma dívida líquida de R$ 3,2 bilhões, o equivalente a 2,2 vezes o Ebitda. Confira aqui o guidance (projeção) divulgado pela companhia.

Assumindo que a empresa vai alcançar a meta de Ebitda de 2020, os analistas do Goldman Sachs projetam que o índice de alavancagem da companhia encerre o ano em 3,14 vezes, potencialmente quebrando o compromisso (covenant) assumido nas dívidas, que é de 3 vezes.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Em evento do BofA

Presidente do BC revela preocupação com análise de autonomia no STF e planos para PIX internacional

Campos Neto e o ministro da Economia, Paulo Guedes, têm conversado com ministros da Corte sobre os questionamento acerca do tema

Confiança em alta

Casa Branca não vê fator gerador de inflação que Fed não possa controlar

A presidente do Conselho de Consultores Econômicos do governo ressaltou que é importante focar nas tendências para os índices ao invés de oscilações semanais ou mensais

Política monetária em detalhes

Diretor do BC afirma que Selic em 2% não era mais necessária e defende centro da meta inflacionária

Bruno Serra explicou que a retomada da atividade econômica foi mais rápida do que se imaginava e justificou a elevação da taxa básica de juros

ESTRADA DO FUTURO

O que rola nos bastidores de uma startup de sucesso: uma conversa com Paulo Veras, ex-CEO e fundador da 99Taxi

Na edição desta semana do Tela Azul, recebemos o Paulo Veras, ex-CEO e fundador da 99Taxi.

Receita Federal dos EUA

Binance é investigada por manter contas suspeitas de lavagem de dinheiro nos EUA

Desde 2019, a Binance não oferece mais serviços de trading de criptomoedas para quem mora nos Estados Unidos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies