Menu
2020-12-14T18:58:45-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Educação na bolsa

Cogna projeta retomar Ebitda de 2019 apenas em 2024

A rede de educação espera alcançar novamente o patamar de R$ 2,4 bilhões de Ebitda em 2024 e deve detalhar as projeções em evento com investidores que acontece hoje

14 de dezembro de 2020
10:49 - atualizado às 18:58
Sala de aula com alunos e professor Ânima Cogna Yduqs
Imagem: Shutterstock

A rede de educação Cogna deve levar cinco anos para recuperar os níveis de Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) obtidos em 2019. Pelo menos essa é a sinalização dada nas projeções divulgadas pela companhia na manhã desta segunda-feira.

A Cogna anunciou que espera registrar um Ebitda recorrente de R$ 1 bilhão neste ano, o que representa um tombo de 59% em relação aos R$ 2,422 bilhões registrados em 2019. A empresa espera alcançar novamente o patamar de R$ 2,4 bilhões em 2024.

Leia também:

Para os investidores, tão ou mais importante que o Ebitda é o quanto a empresa pretende efetivamente gerar de caixa. Nesse quesito, a Cogna informou que a geração de caixa operacional após os investimentos deve ficar em R$ 230 milhões neste ano — queda de 43% em relação a 2019 — e em R$ 1 bilhão em 2024.

A Cogna é uma das empresas que mais sofreu na bolsa em 2020. No ano, as ações da companhia (COGN3) acumulam queda de mais de 50%.

No pregão de hoje, os papéis reagiram inicialmente bem à divulgação das projeções. Mas a animação não durou muito, e as ações acabaram virando para queda, fechando em baixa de 5,47%, a R$ 5,01.

A Cogna detalhou as projeções em evento com investidores na tarde de hoje. A empresa de educação reforçou o caixa com a abertura de capital da subsidiária Vasta na Nasdaq, mas o nível de alavancagem da companhia ainda preocupa o mercado.

A Cogna encerrou o terceiro trimestre com uma dívida líquida de R$ 3,2 bilhões, o equivalente a 2,2 vezes o Ebitda. Confira aqui o guidance (projeção) divulgado pela companhia.

Assumindo que a empresa vai alcançar a meta de Ebitda de 2020, os analistas do Goldman Sachs projetam que o índice de alavancagem da companhia encerre o ano em 3,14 vezes, potencialmente quebrando o compromisso (covenant) assumido nas dívidas, que é de 3 vezes.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

desinvestimento

Ultrapar negocia compra de refinaria da Petrobras no Rio Grande do Sul

Estatal aprova proposta vinculante da dona da rede de postos de combustíveis Ipiranga e da Ultragaz, como parte de processo de desinvestimento no setor

cara nova

Cemig deixa capital social da Light e leva R$ 1,37 bilhão

Com saída da estatal mineira, distribuidora de energia deixa de ter um controlador e passa a ser uma corporation

decisão do copom

BC deve manter Selic a 2% e pode derrubar ‘forward guidance’ nesta quarta

Retirada do instrumento pode vir acompanhada de uma sinalização de que seu fim não tem relação mecânica com o começo do ciclo de aperto monetário

Ivan Sant'Anna - SD Premium

O segundo tempo do governo Bolsonaro começou mal. O que esperar daqui para frente?

Não quero dar uma de adivinho, muito menos pretender ser o dono da verdade, mas as perspectivas para a reeleição de Jair Bolsonaro em outubro de 2022 não são muito boas, embora no momento lidere todas as pesquisas de intenção de voto

dados do ministério da saúde

Brasil tem 1,1 mil mortes por covid-19 registradas em 24 horas

Com os novos óbitos, o total de vidas perdidas para a pandemia subiu para 211.491, segundo o Ministério da Saúde

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies