Menu
2020-03-04T06:47:48-03:00
contração

PMIs de serviços e composto da China atingem mínimas históricas com coronavírus

Índice de gerente de compras de serviços caiu de 51,8 em janeiro para 26,5 em fevereiro; PMI composto recuou de 51,9 para 27,5

4 de março de 2020
6:47
Vírus coronavírus China Ibovespa
Imagem: Shutterstock

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) de serviços da China caiu de 51,8 em janeiro para 26,5 em fevereiro, segundo pesquisa da IHS Markit em parceria com a Caixin Media.

Já o PMI composto chinês, que abrange serviços e o setor industrial, recuou de 51,9 de para 27,5 no mesmo período.

As leituras abaixo de 50 apontam forte contração na atividade econômica da China em meio a epidemia do novo coronavírus, que já infectou mais de 80 mil pessoas no país, causando quase 3 mil mortes. São também as mais baixas já registradas desde que a pesquisa sobre os PMIs chineses foi iniciada, há mais de 14 anos.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Teste de fé

Segredos da bolsa: Powell e Campos Neto testam a fé dos investidores nos banqueiros centrais

Testemunhos do presidente do Fed perante a Câmara e o Senado dos EUA e coletiva de Campos Neto tendem a inspirar cautela entre os investidores

dinheiro estrangeiro

Sem reformas, fim da pandemia pode não trazer investimentos

Desde 2015, a participação de estrangeiros nos títulos de dívida pública caiu de 20,8% para 9%; quadro fiscal piorou com a pandemia

coronavírus

Doria anuncia que São Paulo receberá 5 milhões de doses de CoronaVac

Segundo o governador de São Paulo, previsão é de que haja 46 milhões de doses até dezembro

o app dos jovens

TikTok banido dos EUA? Entenda a polêmica em torno do aplicativo

Trump prometeu tirar o aplicativo chinês do país neste domingo, mas medida não deve ser colocada em prática; entenda as razões por trás da ofensiva americana

entrevista

‘Não se pode esperar para cortar privilégio’, diz ex-secretário do Ministério da Economia

Paulo Uebel defende que o Congresso aprove uma regra de transição na proposta da reforma administrativa para incluir o fim dos privilégios que grupo de servidores atuais ainda goza

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements