⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2020-01-26T14:35:51-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
MAIS CASOS CONFIRMADOS

Novo coronavírus já infectou mais de 2 mil pessoas ao redor do mundo

Também há casos confirmados da doença nos Estados Unidos, Tailândia, Japão, Coreia do Sul, Vietnã, Cingapura, Malásia, Nepal, França e Austrália

26 de janeiro de 2020
11:22 - atualizado às 14:35
Pessoas de máscara na China.
Pessoas de máscara na China - Imagem: Shutterstock

O potencial de propagação do novo tipo do coronavírus segue acelerado. Segundo informações da NHK, autoridades do setor de saúde da China afirmaram que o número de infectados no País passa de 2 mil pessoas e que mais de 300 estão em estado grave. Até agora, o vírus causou 56 mortes na China.

Também há casos confirmados da doença nos Estados Unidos, Tailândia, Japão, Coreia do Sul, Vietnã, Cingapura, Malásia, Nepal, França e Austrália. Já no Brasil, as autoridades ainda não confirmaram nenhum caso.

O surto ocorre exatamente durante o feriadão do Ano Novo Lunar. Por conta da velocidade de propagação do novo coronavírus, as agências de turismo cancelaram todas as excursões para o exterior a partir de segunda-feira.

Além da pausa nas viagens, pontos turísticos como a Disney de Hong Kong e de Xangai estão com as atividades interrompidas

'Situação é grave'

Diante do agravamento da situação na China, o presidente do País, Xi Jinping, convocou ontem (25) uma reunião especial no feriado do Ano Novo Lunar e classificou a "acelerada" propagação do novo tipo de coronavírus como "grave". As informações são do site Business Insider.

Segundo o site, durante a reunião, o presidente estabeleceu uma força-tarefa para enfrentar a crise e garantiu que vai aumentar o monitoramento de passageiros e visitantes em estações ferroviárias, aeroportos e portos.

"Temos certeza de que seremos capazes de vencer esta batalha por meio da prevenção e do controle", disse Xi Jinping.

Os comentários do presidente vieram alguns dias depois de um "certo período de silêncio" em que a autoridade preferiu não comentar sobre o tema, ainda que as frustrações aumentassem sobre o poder acelerado de propagação do novo vírus.

Autoridades locais em Wuhan, uma cidade de aproximadamente 11 milhões de habitantes na província de Hubei, no centro da China, estiveram à frente da resposta inicial aos crescentes relatos do vírus misterioso.

A cidade está em quarentena desde quinta-feira e as viagens para dentro ou para fora da área foram canceladas. No entanto, o prefeito de Wuhan admitiu que "os avisos iniciais não eram suficientes".

Além disso, as autoridades chinesas fecharam vários pontos turísticos, como o parque temático da Disney, de Xangai e a Cidade Proibida, em Pequim.

Coronavírus e os mercados

Ao longo da semana, o noticiário referente ao novo tipo de coronavírus trouxe volatilidade às negociações, mexendo com o Ibovespae as demais bolsas do mundo.

A tensão com o novo vírus coronavírus freou os ganhos, mas foi incapaz de trazer uma onda de pessimismo completa às bolsas.

O Ibovespa, por exemplo, fechou em queda de 0,96% na última sexta-feira (24), aos 118.376,36 pontos. Com isso, o principal índice da bolsa brasileira terminou a semana com uma leve baixa acumulada de 0,09% — praticamente no zero a zero. No mês, a alta é de 2,36%.

Nos Estados Unidos, o desempenho semanal foi um pouco pior, mas nada que inspire pânico: o Dow Jones caiu 1,22% desde segunda-feira, o S&P 500 recuou 1,02% e o Nasdaq teve perda de 0,79%.

O mercado de câmbio, por sua vez, fechou em alta. Ontem (24), o dólar à vista subiu 0,43%, a R$ 4,1845, terminando a semana com um ganho de 0,48%. A moeda americana está pressionada, mas ainda possui alguma folga em relação às máximas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

ELEIÇÕES 2022

Padre Kelmon é chamado de “laranja, mentiroso e impostor”, irrita Lula e até Bonner no debate da Globo

30 de setembro de 2022 - 1:12

Além de entrar em atrito com outros candidatos — com exceção de Jair Bolsonaro —, Kelmon desrespeitou as regras do debate ao interromper as respostas dos adversários

ELEIÇÕES 2022

Lula e Bolsonaro trocam acusações no debate da Globo: “mentiroso, traidor da Pátria, tome vergonha na cara”

29 de setembro de 2022 - 23:10

Início do debate foi marcado por uma série de pedidos de resposta entre o petista e o presidente que tenta a reeleição; confira os principais trechos

Market Makers

Seja Lula ou Bolsonaro, política fiscal é principal preocupação da Faria Lima com o próximo governo

29 de setembro de 2022 - 20:06

O Market Makers fez seu primeiro episódio ao vivo e ouviu as visões de sete gestores diferentes sobre as Eleições 2022

Questões contábeis

Problemas na decolagem: Eve, dos carros voadores da Embraer (EMBR3), precisará refazer o balanço do 2º trimestre

29 de setembro de 2022 - 19:59

Questões contábeis envolvendo os bônus de subscrição geraram inconsistências no balanço da Eve; a Embraer (EMBR3) também será impactada

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

A bolsa antes do debate da Globo, motivos para deixar o Magazine Luiza (MGLU3) de lado e Pix fora do ar no Nubank; confira os destaques do dia

29 de setembro de 2022 - 19:03

Faltam poucas horas para o último debate presidencial antes do pleito do próximo domingo (02), mas o principal evento do dia foi a confirmação de que a economia americana se encontra em recessão técnica.  A divulgação dos números do Produto Interno Bruto (PIB) americano piorou o humor em Nova York. Antes disso, os investidores já […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies