Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-11-16T18:48:47-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
relatório focus

Mercado suaviza projeção de queda para o PIB em 2020; confira destaques do Relatório Focus

Projeção para a inflação também foi revisada para cima, passando de 3,20% para 3,25%

16 de novembro de 2020
8:51 - atualizado às 18:48
análise projeção focus
Imagem: Shutterstock

Os economistas do mercado financeiro suavizaram a previsão de queda do Produto Interno Bruto (PIB) para 2020 no Relatório Focus divugado nesta segunda-feira (16) pelo Banco Central. A projeção para a queda da economia brasileira passou de 4,80% para queda de 4,66%.

A expectativa para a inflação também foi revisada para cima. O mercado espera que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) avance a 3,25%, contra 3,20% do relatório da semana passada. Há um mês a projeção era de alta de 2,65%.

Focus melhora expectativa para PIB

Conforme o Relatório de Mercado Focus, a expectativa para a economia este ano passou de retração de 4,80% para queda de 4,66%. Há quatro semanas, a estimativa era de baixa de 5,00%. Para 2021, o mercado financeiro manteve a previsão do Produto Interno Bruto (PIB), de alta de 3,31%. Quatro semanas atrás, estava em 3,47%.

No Focus divulgado nesta segunda-feira, 16, a projeção para a produção industrial de 2020 foi de baixa de 5,49% para retração de 5,34%. Há um mês, estava em baixa de 5,98%. No caso de 2021, a estimativa de crescimento da produção industrial foi de 4,00% para 3,72%, ante 4,27% de quatro semanas antes.

A pesquisa Focus mostrou ainda que a projeção para o indicador que mede a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB para 2020 passou de 67,74% para 67,00%. Há um mês, estava em 67,40%. Para 2021, a expectativa foi de 70,00% para 69,60%, ante 70,00% de um mês atrás.

Previsão para o IPCA

Os economistas também alteraram a previsão para o IPCA - o índice oficial de preços - em 2020. O Relatório de Mercado Focus divulgado nesta segunda-feira pelo Banco Central, mostra que a mediana para o IPCA neste ano foi de alta de 3,20% para 3,25%. Há um mês, estava em 2,65%. A estimativa para o índice em 2021 foi de 3,17% para 3,22%. Quatro semanas atrás, estava em 3,02%.

O relatório Focus trouxe ainda a projeção para o IPCA em 2022, que seguiu em 3,50%. No caso de 2023, a expectativa permaneceu em 3,25%. Há quatro semanas, essas expectativas eram de 3,50% e 3,25%, nesta ordem.

A projeção dos economistas para a inflação está abaixo do centro da meta de 2020, de 4,00%, sendo que a margem de tolerância é de 1,5 ponto porcentual (índice de 2,50% a 5,50%). No caso de 2021, a meta é de 3,75%, com margem de 1,5 ponto (de 2,25% a 5,25%). A meta de 2022 é de 3,50%, com margem de 1,5 ponto (de 2,00% a 5,00%), enquanto o parâmetro para 2023 é inflação de 3,25%, com margem de 1,5 ponto (de 1,75% a 4,75%).

No início do mês, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que a inflação de outubro foi de 0,86%. Em 12 meses, a taxa acumulada está em 3,92%.

Entre as instituições que mais se aproximam do resultado efetivo do IPCA no médio prazo, denominadas Top 5, a mediana das projeções para 2020 foi de 3,08% para 3,14%. Para 2021, a estimativa do Top 5 passou de 3,31% para 3,36%. Quatro semanas atrás, as expectativas eram de 2,82% e 3,17%, respectivamente.

No caso de 2022, a mediana do IPCA no Top 5 permaneceu em 3,50%, igual a um mês atrás. A projeção para 2023 no Top 5 seguiu em 3,38%, também igual a quatro semanas antes.

Últimos 5 dias úteis

A projeção mediana para o IPCA de 2020 atualizada com base nos últimos 5 dias úteis foi de 3,27% para 3,39%, conforme o Relatório Focus. Houve 41 respostas para esta projeção no período. Há um mês, o porcentual calculado estava em 2,76%.

No caso de 2021, a projeção do IPCA dos últimos 5 dias úteis foi de 3,27% para 3,38%. Há um mês, estava em 3,10%. A atualização no Focus foi feita por 41 instituições.

Outros meses

Os economistas do mercado financeiro alteraram a previsão para o IPCA em novembro de 2020, de alta de 0,40% para avanço de 0,45%. Um mês antes, o porcentual projetado indicava alta de 0,29%

Para dezembro, a projeção no Focus foi de alta de 0,55% para 0,56% e, para janeiro de 2021, passou de alta de 0,38% para 0,39%. Há um mês, os porcentuais indicavam elevações de 0,44% e 0,32%, nesta ordem.

No Focus agora divulgado, a inflação suavizada para os próximos 12 meses foi de alta de 3,52% para 3,56% de uma semana para outra - há um mês, estava em 3,37%.

Confira as principais projeções do Relatório Focus desta semana

IPCA

  • 2020: de 3,20% para 3,25%
  • 2021: de 3,17% para 3,22%
  • 2022: estável em 3,50%
  • 2023: estável em 3,50%

PIB

  • 2020: de -4,80% para -4,66%
  • 2021: estável em 3,31%
  • 2022: estável em 2,50%
  • 2023: estável em 2,50%

Câmbio

  • 2020: de R$ 5,45 para R$ 5,41
  • 2021: estável em R$ 5,20
  • 2022: estável em R$ 5,00
  • 2023: de R$ 4,94 para R$ 4,88

Selic

  • 2020: estável em 2%
  • 2021: estável em 2,75%
  • 2022: estável em 4,50%
  • 2023: estável em 6,0%
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

TAMANHO FAZ DIFERENÇA?

Futebol combina com lucro? Conheça os principais candidatos a SAF e para que tipo de clube ela pode ser mais interessante

Porte do clube faz diferença na hora de se decidir pela possibilidade de transformação em Sociedade Anônima do Futebol

Fechamento Hoje

Tensão entre Rússia e Ucrânia e expectativa com reunião do Fed derrubam bolsas pelo mundo, e Ibovespa cai quase 1%, mas NY vira para o azul na reta final

Wall Street consegue uma virada impressionante e fechar em alta, depois de índices terem chegado a cair mais de 3%; Ibovespa reduziu perdas, mas ainda fechou com queda significativa, enquanto dólar subiu

NOVOS NEGÓCIOS

Google está de olho nas criptomoedas e vai criar unidade de negócio dedicada ao blockchain; entenda o que está por trás da decisão

Antes de se aventurar, gigante de tecnologia assistiu com cautela as movimentações das concorrentes para entrar no mercado de criptomoedas

MELHORA ARTIFICIAL

Pedidos de recuperação judicial caem em 2021 ao menor nível desde 2014

Para os especialistas os números do ano passado não representam uma recuperação econômica, mas uma melhora artificial no ambiente de negócios promovida por políticas públicas pontuais

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies