Menu
2020-11-03T10:11:03-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Inovação

CVM anuncia seleção de projetos para sandbox regulatório

A xerife do mercado de capitais pretende escolher até sete participantes que podem testar projetos inovadores com clientes reais sem as restrições que a regulação impõe às demais empresas

3 de novembro de 2020
10:10 - atualizado às 10:11
Site da CVM
Site da CVM - Imagem: Shutterstock

Tem um projeto inovador na área de mercado de capitais, mas as amarras da regulação dificultam ou o impedem de tirá-lo do papel? Pois a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) está disposta a ajudar. A xerife do mercado anunciou a abertura do processo de seleção para o chamado “sandbox regulatório”.

Trata-se de um ambiente em que os participantes podem testar inovações com clientes — no caso, investidores — reais sem as mesmas restrições que a regulação impõe às demais empresas.

Leia também:

A CVM pretende escolher até sete participantes para o sandbox, mas pode aumentar esse número. As inscrições começam no dia 16 de novembro e vão até 15 de janeiro de 2021. O início da implementação dos projetos está previsto para 3 de maio de 2021.

O termo “sandbox” vem do inglês “caixa de areia” e remete ao brinquedo presente em diversos parques infantis. No contexto da regulação, foi uma forma encontrada para estimular o processo de inovação e a entrada de novos concorrentes no setor financeiro, como as fintechs.

As empresas dentro da sandbox podem desenvolver seus projetos sem a necessidade de cumprir todos os requisitos previstos para as demais empresas do mercado. Mas para isso é preciso ter a aprovação e o acompanhamento de órgãos como a CVM e o Banco Central.

No caso do processo aberto pela CVM, a atividade deve se enquadrar no conceito de modelo de negócio inovador, ou seja, deve fazer uso da tecnologia ou desenvolva algum produto ou serviço que ainda não seja oferecido atualmente.

Os interessados em participar devem preencher o formulário eletrônico de inscrição, que reúne todo o conteúdo exigido, na regulamentação, para as propostas de participação.

As respostas e documentos serão usados para avaliar se os proponentes são elegíveis e se as propostas são consideradas aptas à participação.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

fechamento dos mercados

Ibovespa desacelera com queda de Petrobras, mas fecha acima de 110 mil com Itaú e Vale e sobe 4% na semana

Bolsas americanas fecham para cima, renovando máximas históricas, em sessão mais curta; por aqui, ações de Petrobras reduziram alta perto do fim da sessão, eventualmente virando e fechando em queda, tirando índice acionário local da proximidade do pico intradiário

Urgente

Guilherme Boulos é diagnosticado com Covid-19

As agendas de campanha foram todas suspensas, e a coordenação da campanha vai propor à TV Globo que o último debate, previsto para hoje, seja feito de forma virtual.

Novidade no mercado

CMN: corretora de título e valor mobiliários pode prestar serviço de pagamento

Com isso, as SCTVM e SDTVM deverão optar entre a manutenção das atuais contas de registro ou a utilização de contas de pagamento.

Novidades na bolsa

B3 vai lançar 37 BDRs de fundos de índices estrangeiros (ETF)

Com os novos BDRs, os investidores brasileiros poderão ficar expostos à variação de uma série de fundos que acompanham índices estrangeiros sem sair da B3

Retorno

Vale consegue licença para retomar operações em Serra Leste, no Pará

As operações estão paralisadas desde janeiro de 2019, após a mineradora ter atingido o limite da área até então licenciada para extração de minério de ferro.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies