Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-21T10:30:55-03:00
Estadão Conteúdo
a partir de junho

China muda regra alfandegária para ferro australiano; Brasil pode se beneficiar

Receio é que as exportações brasileiras de minério de ferro sejam liberadas com mais agilidade nos portos chineses e que as australianas fiquem retidas

21 de maio de 2020
10:30
China, Bandeira
Bandeiras chinesas - Imagem: Shutterstock

A China vai alterar suas regras de inspeção alfandegária para o minério de ferro da Austrália, principal produto de exportação do país, a partir de 1º de junho, informa a mídia australiana.

Existem temores de que a mudança nos procedimentos seja usada para favorecer o Brasil, que é o segundo maior fornecedor mundial de minério de ferro para a China, de acordo com o site da emissora de TV australiana 7News.

O receio é que as exportações brasileiras de minério de ferro sejam liberadas com mais agilidade nos portos chineses e que as australianas fiquem retidas, diz a 7News.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Preocupação

Vidas secas? Bolsonaro admite que Brasil vive “enorme crise hidrológica”

Presidente citou a falta de chuvas como um dos grandes problemas econômicos do país, juntamente com os efeitos causados pela pandemia

MESA QUADRADA

“Não me arrependo de nada. Só não posso dar conselhos financeiros para ninguém”, diz Bob Wolfenson, o fotógrafo das celebridades entrevistado no 7º episódio do Mesa Quadrada

Em em conversa para o podcast Mesa Quadrada, Dan Stulbach, Teco Medina e Caio Mesquita, conversam sobre dinheiro e carreira com Bob Wolfenson, ícone da fotografia brasileira

Situação preocupante

Cuidado com as luzes acesas! Aneel mantém taxa adicional mais alta na contas de agosto

Tarifa cobrada na bandeira vermelha nível 2 é de R$ 9,49 por 100 quilowatts-hora (kWh), e agência continua avaliando se vai elevar o valor

O melhor do Seu Dinheiro

Os melhores investimentos do mês e as notícias que foram destaque na semana

lém do ranking, tivemos o Ibovespa em queda de 2,60, e uma entrevista exclusiva com o CEO da Ânima Educação, que busca um “modelo Magalu”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies