Menu
2020-02-25T15:13:28-03:00
ESTÍMULO PARA AS EMPRESAS

China anuncia medidas para ampliar crédito a empresas atingidas pelo coronavírus

Em reunião presidida pelo primeiro-ministro Li Keqiang, o conselho disse que aumentará em 500 bilhões de yuans (US$ 71,2 bilhões) a cota de refinanciamento para empréstimos de bancos a pequenas empresas e fazendeiros

25 de fevereiro de 2020
15:13
Vírus coronavírus China Ibovespa
Imagem: Shutterstock

O Conselho de Estado da China, que equivale ao gabinete do país, divulgou nesta terça-feira uma série de medidas para fazer com que bancos estatais concedam mais empréstimos e cortem taxas de juros para pequenas empresas atingidas pelo surto de coronavírus.

Em reunião presidida pelo primeiro-ministro Li Keqiang, o conselho disse que aumentará em 500 bilhões de yuans (US$ 71,2 bilhões) a cota de refinanciamento para empréstimos de bancos a pequenas empresas e fazendeiros e cortou os juros dos mecanismos de financiamento em 0,25 ponto porcentual para reduzir os custos para as empresas.

O gabinete também determinou que os três grandes bancos públicos da China disponibilizem 350 bilhões de yuans (US$ 49,7 bilhões) em empréstimos especiais com juros baixos para pequenas empresas privadas. Os novos empréstimos emitidos pelos credores estatais do país tem de crescer a um ritmo anual de 30% durante a primeira metade de 2020, disse o Conselho de Estado.

O órgão também deu um período de carência mais longo para todas as empresas da província de Hubei - epicentro do surto de coronavírus - para quitarem seus empréstimos bancários e juros sem punição, já que as companhias enfrentam dificuldades de retomar a produção em meio às estritas medidas de prevenção no local.

O Conselho de Estado ainda isentou empresários individuais de Hubei de impostos sobre o valor agregado por três meses, medida que entra em vigor em março. Os impostos de empresários de outras partes da China serão reduzidos de 3% para 1%.

O órgão também prometeu subsidiar empregadores para manter a estabilidade do mercado de trabalho do país. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Exclusivo SD Premium

Segredos da bolsa: O cachorro louco segue à solta nos mercados

Agenda repleta de balanços corporativos e indicadores econômicos importantes no Brasil, na China, nos EUA e na Europa promete deixar os investidores com os nervos à flor da pele esta semana

Balanço

Saudi Aramco vê lucro cair 73,3% com menor demanda e queda do preço do petróleo

Estatal saudita lucrou apenas US$ 6,6 bilhões no segundo trimestre, em razão de crise desencadeada pela pandemia de coronavírus

Para bater a renda fixa

Queda na bolsa no mês de julho deixou retorno dos fundos imobiliários mais atrativo

Para analistas do Banco Inter, queda dos FII em julho foi apenas um ajuste; com juro baixo e preço menor, rentabilidade potencial cresceu

O tamanho da conta

Conta da pandemia chega a R$ 700 bilhões

Segundo levantamento do Estadão, pandemia deve custar isso só em 2020, o equivalente a quase 10% do PIB e a R$ 3,3 mil para cada brasileiro. Quantia seria suficiente para pagar o Bolsa Família por 21 anos

Canetada

Trump assina quatro decretos com estímulos à economia

Diante do fracasso das negociações entre republicanos e democratas para novo pacote de ajuda trilionário, presidente americano partiu para a canetada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements