Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-11T08:13:47-03:00
Estadão Conteúdo
Pós-coronavírus

Base monetária da China tem maior salto em mais de 3 anos

Dados do Banco do Povo da China mostraram hoje que a medida mais ampla de base monetária do gigante asiático, conhecida como M2, teve acréscimo anual de 11,1% em abril

11 de maio de 2020
8:13
Bam China
Imagem: Shutterstock

A base monetária da China avançou no mês passado no maior ritmo em mais de três anos, à medida que o governo do país manteve esforços para reativar a economia, que foi severamente atingida pela pandemia de coronavírus.

Dados do Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) mostraram hoje que a medida mais ampla de base monetária do gigante asiático, conhecida como M2, teve acréscimo anual de 11,1% em abril, maior do que o ganho de 10,1% verificado em março e também acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta de 10,3%.

O avanço do M2 chinês vinha se mantendo abaixo de 11% desde 2017.

Já novos empréstimos concedidos por bancos na China em abril somaram 1,7 trilhão de yuans (US$ 240,3 bilhões), caindo significativamente ante o volume de 2,85 trilhões de yuans observado em março. O resultado de abril, no entanto, superou a projeção de economistas, de 1,5 trilhão de yuans.

O financiamento social total, uma medida mais ampla do crédito na economia chinesa, também sofreu forte diminuição entre março e abril, de 5,16 trilhões de yuans para 3,09 trilhões de yuans. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

RAIO-X DO ORÇAMENTO

Fundo eleitoral, emendas do relator e reajuste dos servidores: 3 pontos do Orçamento para 2022 que mexem com a bolsa esta semana

Entre emendas parlamentares superavitárias e reajuste dos policiais federais, o Orçamento deve ser publicado no Diário Oficial na segunda-feira (24)

PEC DOS COMBUSTÍVEIS

Tesouro pode perder até R$ 240 bilhões com PEC dos Combustíveis e inflação pode ir para 1% — mas gasolina ficará só R$ 0,20 mais barata; confira análise

Se todos os estados aderirem à desoneração, a perda seria de cifras bilionárias aos cofres públicos, de acordo com a XP Investimentos

Seu Dinheiro no Sábado

E a bolsa ainda pulsa: os grandões do Ibovespa brilham e puxam o índice — mas e as demais empresas?

Além do ciclo aquecido das commodities e da entrada de recursos estrangeiros, também vale lembrar o desconto nos ativos domésticos

BITCOIN (BTC) HOJE

Bitcoin (BTC) aprofunda queda da semana e é negociado aos US$ 35 mil hoje pela primeira vez em seis meses; criptomoeda já caiu 17% em sete dias

Especialista dá dicas de como sobreviver ao momento de “sangria” do mercado de criptomoedas — e o que não fazer no desespero

Dê o play!

A bolsa ainda pulsa, mas será um último suspiro? O podcast Touros e Ursos discute o cenário para o Ibovespa

No programa desta semana, a equipe do Seu Dinheiro discute o cenário para o Ibovespa e os motivos que fazem a bolsa brasileira subir

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies