Menu
2020-03-02T16:39:53-03:00
Estadão Conteúdo
BALANÇA COMERCIAL

Balança comercial tem superávit de US$ 3,096 bilhões em fevereiro

O saldo de fevereiro é pouco menor do que o registrado no mesmo mês do ano passado, quando o resultado foi positivo em US$ 3,116 bilhões

2 de março de 2020
16:39
exportações
Imagem: Shutterstock

A balança comercial brasileira voltou ao azul em fevereiro, quando registrou superávit de US$ 3,096 bilhões. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, 2, pela Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia.

O saldo de fevereiro é pouco menor do que o registrado no mesmo mês do ano passado, quando o resultado foi positivo em US$ 3,116 bilhões.

O montante de fevereiro foi suficiente para reverter o déficit registrado em janeiro e o primeiro bimestre acumula saldo positivo em US$ 1,361 bilhão.

No mês passado, as exportações somaram US$ 16,355 bilhões, uma alta de 15,5% ante fevereiro de 2019. Já as importações chegaram a US$ 13,259 bilhões, uma alta de 16,7% na mesma comparação.

Na quarta semana de fevereiro (24 a 29), o saldo comercial foi de superávit de US$ 2,032 bilhões.

No mês, houve uma alta nas vendas de produtos básicos (26,2%), semimanufaturados (6,2%) e básicos (4%). Pelo lado das importações, aumentaram as compras de bens de capital (+102,2%), combustíveis e lubrificantes (32,2%), bens intermediários (3,2%) e bens de consumo (2,2%).

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Pesquisa da FGV

Presente mais caro: inflação do Dia das Mães é a maior dos últimos quatro anos

Levantamento da FGV mostra que a inflação no Dia das Mães é a maior desde 2017; eletrodomésticos e passagens aéreas tiveram maiores saltos

Expansão

SPX Capital assume operações do Carlyle no país

As operações do Carlyle no Brasil serão absrovidas pela SPX Capital. Com isso, a gestora de Rogério Xavier se expande em private equity

ESTRADA DO FUTURO

Um pé no abismo e outro na casca de banana: como identificar ações de empresas decadentes

Excesso de otimismo, planos mirabolantes e desprezo pela inovação estão entre as receitas para uma empresa falhar, segundo o gestor que se dedicou a descobrir empresas terríveis

Novo competidor

Grupo catarinense que fatura R$ 8,8 bi vai abrir 1º atacarejo no estado de SP

O Grupo Pereira vai abrir uma unidade da Fort Atacadista, sua bandeira de atacarejo, na cidade de Jundiaí; forte competição em SP é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies