Menu
2019-04-04T12:15:18-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Troca de farpas

China pede aos EUA que não se intrometam em situação na Venezuela

Troca de farpas entre Pequim e Washington acontece no momento em que países tentam solução para guerra comercial

24 de janeiro de 2019
10:01 - atualizado às 12:15
presidente-da-china
Imagem: Fotos Públicas/Kremlin

Em meio ao agravamento da crise da Venezuela, diversas nações começaram a demonstrar apoio ou repúdio ao governo de Nicolás Maduro.

Mas a troca de farpas entre Estados Unidos e China deve minar, de novo, as esperanças para uma solução da guerra comercial apesar dos chineses terem confirmados que as discussões ainda devem acontecer.

Ontem, o líder da oposição venezuelana, Juan Guaidó, declarou-se presidente interino do país.

Logo depois, os Estados Unidos reconheceram e apoiaram a declaração de Guiadó. À imprensa, o presidente Donald Trump disse que não descartava uma intervenção militar no país.

Pequim não gostou nada das declarações e pediu aos EUA que não se intrometessem no país. “A China apoia os esforços do Governo da Venezuela para manter a sua soberania, independência e estabilidade”, afirmou hoje na entrevista coletiva diária a porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying.

“Em 10 de janeiro, a China e muitos outros países e organizações internacionais enviaram representantes à cerimônia de posse do presidente Maduro”, acrescentou a porta-voz da chancelaria, em resposta a uma pergunta sobre se Pequim segue apoiando o citado líder.

Hua também destacou que o país “se opõe à interferência nos assuntos internos da Venezuela” e desejou que a comunidade internacional faça “esforços neste sentido” para pôr fim à mesma.

O Brasil tomou o lado dos EUA e reconheceu o governo interino.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Um outro olhar

Investidores mudam o foco, dólar cai e Ibovespa vive dia de forte recuperação

Bolsa recupera terreno e fecha em alta de 1,33%; dólar retorna a R$ 5,51 com reação a sinalizações de banqueiros centrais

fintech do Mercado Livre

Mercado Pago recebe aporte de R$ 400 milhões do Goldman Sachs

Os recursos têm como destino a divisão de crédito da instituição, o Mercado Crédito, e servirão para expandir a oferta de crédito para pequenos e médios vencedores que usam o Mercado Pago e o Mercado Livre

presidente popular

Avaliação positiva de Bolsonaro sobe de 29% para 40%, diz Ibope

Após cair ao longo do primeiro ano de governo, a popularidade do presidente Jair Bolsonaro disparou agora em setembro, na comparação com dezembro do ano passado

218.679 pedidos

Pedidos de seguro-desemprego caem 11,6% na 1ª quinzena de setembro, diz Economia

Os pedidos de seguro-desemprego somaram 218.679 nos primeiros 15 dias de setembro

maiores altas percentuais

IRB, PetroRio e CVC são destaques do Ibovespa em dia de bom humor nos EUA

Por volta das 15h30, o principal índice de ações da B3 sobe 1,73%. IRB Brasil e CVC estão entre os três papéis que mais perderam valor na bolsa em 2020

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements