Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-05T14:47:42-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Balanço surpreendente

Ultrapar encerra 2018 com queda de 23% no lucro líquido, mas anuncia dividendos remanescentes

Números anunciados pela empresa nesta quarta-feira vieram acima das projeções dos analistas consultados pela Bloomberg

20 de fevereiro de 2019
20:13 - atualizado às 14:47
ultrapar
Ultrapar - Imagem: Shutterstock

Mesmo com uma queda de 26% no lucro líquido anual em 2018, a Ultrapar surpreendeu o mercado ao divulgar nesta quarta-feira, 20, um saldo positivo de R$ 1,132 bilhão. O número ficou bem acima dos R$ 1,002 bilhão estimados pelos analistas de mercados que foram consultados pela Bloomberg.

O resultado acima das expectativas ganhou impulso pelo lucro líquido de R$ 495,6 milhões que a empresa registrou no quarto trimestre. O resultado representa alta de 27% frente os R$ 389,4 milhões reportados em igual trimestre do ano anterior.

Ainda segundo o balanço, a geração de caixa da Ultrapar, medida pelo Ebitda (silga para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), fechou o ano em R$ 2,697 bilhões, queda de 23% na comparação com 2017. No 4º trimestre, o Ebitda ficou em R$ 903,6 milhões, queda de 2,9% na comparação trimestral.

A receita líquida trimestral da empresa ficou em R$ 23,467 bilhões, alta de 10% na comparação com igual trimestre de 2017. No acumulado do ano, a receita fechou em R$ 90,698 bilhões, alta de 14%.

De olho no dividendo

Os bons resultados da companhia ajudaram a abrir caminho para a aprovação, pelo conselho de administração, do pagamento de R$ 380,3 milhões de dividendos remanescentes. O número corresponde a R$ 0,70 por ação ON e serão pagos a partir de 13 de março de 2019.

Segundo comunicado da empresa, a data base para o direito ao recebimento do dividendo será 28 de fevereiro no Brasil e 4 de março de 2019 nos Estados Unidos. Desta forma, as ações passarão a ser negociadas “ex -dividendos” a partir de 1 de março tanto na Bolsa de São Paulo quanto na Bolsa de Nova York.

Dívidas, dívidas, dívidas

A Ultrapar encerrou 2018 com dívida líquida de R$ 8,2 bilhões (o que corresponde a 2,7 vezes ao Ebitda Ajustado). O números é maior do que os R$ 7,2 bilhões de dívida em 31 de dezembro de 2017 (ou 1,8 vez o Ebitda Ajustado). O aumento da dívida foi impulsionado pelo crescimento da dívida bruta, apesar da maior geração operacional de caixa após investimentos no período.

*Com Estadão Conteúdo.

 

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Balanço do mês

Bitcoin, ouro e dólar se recuperam em julho, enquanto bolsa é um dos piores investimentos do mês

Fundos imobiliários também se saíram bem, depois que tributação dos seus rendimentos foi retirada da reforma do imposto de renda

próximos anos

Eletrobras aprova em conselho plano de negócios com desinvestimentos de R$ 41 milhões

Entre as medidas previstas está a avaliação de oportunidades para efetuar a gestão dos passivos provenientes de dívidas do Sistema Eletrobras

temporada de resultados

Lucro da Alpargatas, dona da marca Havaianas, cresce 228,7%, R$ 111 milhões

Receita líquida da companhia saltou 71,4% sobre igual intervalo de 2020, para R$ 1,095 bilhão, ao mesmo tempo em que os volumes registraram crescimento de 57%

seu dinheiro na sua noite

As corridas da bolsa e do dólar — e a frustração dos investidores na linha de chegada de julho

Nove em cada dez operadores do mercado financeiro juram, de pés juntos, que o último pregão do mês costuma ser positivo. Ora essas, é a data limite para o fechamento das lâminas de desempenho mensal dos fundos e das carteiras de investimento — e é claro que todo mundo quer estampar o melhor resultado possível. […]

decisão temporária

CVM suspende oferta de recebíveis que financiaria cooperativas do MST

Decisão da autarquia vale por 30 dias; CVM diz que a oferta não apresenta informações consideradas essenciais para os investidores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies