Menu
2019-04-04T14:17:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Assumindo o papel de Bolsonaro

Paulo Guedes toma as rédeas da articulação pela reforma da Previdência, diz jornal

“Posto Ipiranga” assume as funções de Bolsonaro e de Onyx Lorenzoni na tentativa de melhorar a relação entre o Executivo e o Legislativo

28 de março de 2019
16:04 - atualizado às 14:17
O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos.
Guedes passará a liderar a articulação da reforma no Congresso - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, é quem deve comandar as picapes da reforma da Previdência a partir de agora. De acordo com informações do jornal Valor Econômico, o "posto Ipiranga" vai assumir o papel do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, na articulação política do projeto.

Na prática, caberá a Guedes negociar com o Congresso as mudanças necessárias para que a reforma consiga ser aprovada. Mais cedo nesta quinta-feira, 28, o ministro almoçou com parlamentares na tentativa de "vender" a ideia da nova Previdência.

A notícia é vista com interesse tanto na ala política quanto no mercado financeiro. Há uma expectativa de que Guedes possa mudar o clima ruim que se instalou na última semana em Brasília, com Bolsonaro e o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, trocando farpas públicas. Vale lembrar, inclusive, que Guedes é considerado uma ponte do Executivo com Maia pela proximidade que ambos têm.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

país contra o coronavírus

Plano contra coronavírus não inclui socorro a grandes empresas e bancos no México

Programa do governo é calcado na ampliação de programas sociais e em investimento público para fomentar o emprego.

medida anticrise

CMN aumenta valor máximo de depósitos a prazo com garantia especial (DPGE)

Limite por titular passou de R$ 20 milhões para R$ 40 milhões; autorizado no dia 26, o DPGE também foi utilizado para dar liquidez ao mercado

de olho na recuperação

BC cria linha de crédito especial com recursos de fundos constitucionais

Segundo fontes, a estimativa é de que cerca de R$ 6 bilhões poderão ser disponibilizados pelos bancos às empresas que estão nas regiões atendidas por esses fundos

Situação de emergência

Argentina posterga pagamento de até US$ 10 bilhões da dívida pública para 2021

Texto do decreto cita a declaração de emergência nacional, em meio ao avanço da covid-19, para justificar a medida.

movimento global

BC de Israel corta taxa básica de juros de 0,25% para 0,1%

Para autoridade monetária do país, há uma excepcional volatilidade na taxa de câmbio, considerando as dificuldades da liquidez em dólar

olho no indicador

Investimentos sobem 1,2% em fevereiro ante janeiro, diz Ipea

Resultado sucedeu um avanço de 7,9%, deixando um carry-over de 5,4% para o primeiro trimestre de 2020

ficou para amanhã

Câmara adia sessão com plano Mansueto desta segunda para a terça-feira

Na sexta-feira, o plenário aprovou a urgência do projeto por 440 votos a favor e 15 contra

Arsenal contra o coronavírus

BC restringe pagamento de dividendos e aumento de salários e bônus pelos bancos

O objetivo é manter o máximo de recursos possíveis dentro dos bancos para que eles possam manter o crédito e absorver perdas futuras em meio à pandemia

diante da crise

Alemanha anuncia programa de empréstimos a pequenas e médias empresas

Volume máximo de crédito será de 500 mil euros para negócios com até 50 empregados e de 800 mil euros para aqueles com mais de 50

Alívio intenso

Ibovespa opera em alta firme, aproveitando o clima mais ameno no exterior; dólar cai a R$ 5,23

O Ibovespa sobe mais de 7%, pegando carona na menor aversão global ao risco. No exterior, os investidores mostram-se animados com a possibilidade de desaceleração nos novos casos de coronavírus na Europa e em Nova York

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements