A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2019-03-22T18:24:19-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Empurrando as datas

CCJ da Câmara só anunciará relator da Previdência depois de audiência com Guedes

Audiência do ministro da Economia na comissão está marcada para a terça-feira, 26, às 14h

22 de março de 2019
18:24
Felipe Francischini, presidente da CCJ
Felipe Francischini, presidente da CCJ - Imagem: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, Felipe Francischini (PSL-PR), só vai anunciar o nome do relator da reforma da Previdência na comissão depois da ida do ministro da Economia, Paulo Guedes, ao colegiado semana que vem. A informação foi dada ao Estadão/Broadcast Político por fontes que acompanham as negociações em torno do nome.

A audiência de Guedes na comissão está marcada para a terça-feira, 26, às 14h. Os parlamentares esperam que o ministro de Bolsonaro faça uma apresentação detalhada da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que altera o regime geral da Previdência e também do projeto de lei dos militares.

A participação de Guedes na CCJ é considerada atípica e, na prática, só precisa ocorrer por causa da desarticulação do governo, uma vez que a comissão não analisa o mérito da proposta, apenas sua admissibilidade. A audiência com o ministro costuma ser na comissão especial, mas a oposição vem apresentando uma série de requerimentos para a convocação do ministro, o que foi transformado em convite.

Na quinta-feira, 21, após cancelar o anúncio do relator da Nova Previdência no colegiado, Francischini afirmou que o início da discussão da proposta na Câmara depende de o governo se organizar para montar uma estratégia de atuação na Câmara.

Ele disse ainda que a ida do ministro Guedes à comissão deve ajudar a esclarecer dúvidas dos membros da CCJ. "Tenho ouvido de todos os membros e líderes que eles querem decantar os últimos acontecimentos políticos. A vinda da reforma dos militares... Isso gerou umas expectativas a mais e, agora, eles querem analisar o texto", disse na quinta-feira.

Em busca de uma estratégia

Na tentativa de melhorar a articulação da reforma, o deputado delegado Marcelo Freitas (MG) foi escolhido pelo PSL para ser o coordenador da bancada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

A desarticulação do governo no Congresso tem minado as expectativas em relação ao andamento da proposta na Câmara. O péssimo ambiente político desta semana colocou em xeque a capacidade do governo de garantir a aprovação da matéria.

De acordo com integrantes da comissão, o próprio Francischini  também vai atuar diretamente para fazer uma ponte entre o governo e os integrantes do colegiado para afinar o diálogo e convencer os deputados a partir das demandas individuais.

A avaliação é de que é preciso dar celeridade política no trato com a base aliada para que haja um realinhamento do governo com a Câmara.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

IMPASSE CONTINUA

Vitória do governo ameaçada? FUP vai à Justiça para anular resultado de assembleia que elegeu novo conselho da Petrobras (PETR4)

19 de agosto de 2022 - 20:20

A FUP vai centrar argumentação contra a eleição a conselheiros de dois nomes barrados pelo Comitê de Elegibilidade da estatal

1ª troca em 20 anos

Americanas (AMER3) anuncia Sergio Rial, ex-CEO do Santander, para o comando da companhia no lugar de Miguel Gutierrez

19 de agosto de 2022 - 19:17

Trata-se da primeira troca no cargo de diretor presidente da varejista em 20 anos; Rial assumirá cargo no início do ano que vem

Acionistas felizes

Dividendos: Telefônica (VIVT3) e Marfrig (MRFG3) pagam nova rodada de proventos. Veja as condições para receber

19 de agosto de 2022 - 19:14

A Telefônica não fixou data para o pagamento dos dividendos, mas segundo a companhia, os créditos serão realizados até 31 de julho de 2023

VAI DISPARAR?

Polo Capital aumenta participação na Tenda (TEND3) e se aproxima do gatilho para “poison pill”; construtora discutirá fim do mecanismo em assembleia

19 de agosto de 2022 - 18:36

O movimento ocorre poucos dias após a companhia anunciar que, atendendo a um pedido da gestora, vai convocar uma Assembleia Geral Extraordinária para discutir a exclusão da “poison pill” de seu estatuto social

FECHAMENTO DO DIA

Frente fria chega ao Ibovespa e índice recua 1,12% na semana; dólar vai a R$ 5,16

19 de agosto de 2022 - 18:33

Apesar da semana calma, o Ibovespa refletiu a cautela com os juros americanos e a queda das commodities

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies