Menu
2019-10-08T07:30:51-03:00
Estadão Conteúdo
De olho na China

PMI de serviços da China cai para 51,3 em setembro, menor nível em 7 meses

Apesar da queda, o indicador acima de 50 aponta expansão do setor, enquanto resultados abaixo desta marca indicam retração

8 de outubro de 2019
7:30
china dragão
Imagem: Shutterstock

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços da China recuou de 52,1 em agosto para 51,3 em setembro, menor leitura em sete meses, segundo dados publicados nesta terça-feira, 8, pela Caixin/IHS Markit.

Apesar da queda, o indicador acima de 50 aponta expansão do setor, enquanto resultados abaixo desta marca indicam retração.

Por outro lado, o PMI composto chinês, que engloba serviços e manufatura, subiu de 51,6 em agosto para 51,9 em setembro, atingindo o maior patamar desde abril.

Em nota, a IHS Markit informa que a produção de bens na China avançou no ritmo mais acelerado desde agosto de 2018. Além disso, o volume de novas encomendas no segmento de serviços teve sua variação positiva mais expressiva desde janeiro do ano passado.

"A economia da China mostrou sinais de recuperação marginal em setembro, com melhora no mercado de trabalho e aceleração da demanda doméstica", avalia Zhengsheng Zhong, diretor de análise macroeconômica do grupo CEBM, parceiro da Caixin. "Contudo, flutuações no câmbio e o encarecimento da mão de obra e matéria-prima aumentaram a pressão sobre as companhia, prejudicando a confiança das empresas".

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

APRENDENDO COM O PROFESSOR BESSEMBINDER

O clube dos 900%: o que você pode aprender com os maiores casos de geração de riqueza da Bolsa americana

Empresas quebrando são mais frequentes que empresas dominando o mundo em algumas décadas. Mas poucos acertos podem rechear a sua carteira e garantir sua aposentadoria precoce.

Entrevista

‘Desemprego alto e déficit público nos deixam cautelosos’, diz presidente da Whirlpool

CEO da fabricante das marcas Consul e Brastemp diz estar cauteloso para investir em produção e em relação à sustentabilidade da demanda, por conta de desemprego e da situação fiscal

Mercadores da noite

Bolsa, dólar e juros subindo: qual dos três está mentindo?

Quando a Bolsa, o dólar e as taxas de juros estão subindo ao mesmo tempo, um dos três está mentindo – qual deles será e o que fazer?

Infraestrutura

Novo marco legal para ferrovias vai a votação no Senado na próxima semana

Legislação promete organizar regras do setor e permitir novos formatos para a atração de investimentos privados

Telecomunicações

Operadoras cobram transparência do governo na definição da tecnologia 5G

Teles se dizem preocupadas com as “incertezas” relativas ao processo, depois de governo sinalizar banimento da chinesa Huawei

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies