Menu
2020-01-02T13:53:13-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
FUNDO IMOBILIÁRIO

MRV inicia negociações do fundo imobiliário Luggo na B3

No informe, a construtora ressaltou ainda que, em 2020, espera fazer o primeiro follow-on (oferta subsequente de cotas) da Luggo

30 de dezembro de 2019
20:41 - atualizado às 13:53
Prédios
Imagem: Shutterstock

A construtora MRV informou hoje (30) ao mercado que iniciou as negociações do fundo de investimento imobiliário (FII) Luggo, com o código (LUGG11). No documento, a companhia também destacou que o fundo atingiu a captação máxima de R$ 90 milhões com o cadastro de quase 2 mil pessoas físicas.

Esse é o primeiro FII residencial do Brasil que conta com os quatro primeiros empreendimentos da Luggo. A MRV explicou ainda que o modelo de negócios vai funcionar da seguinte forma: após o empreendimento ser construído e locado, os ativos são transferidos para o Luggo FII e, a partir daí, a empresa segue como consultora.

No informe, a MRV ressaltou ainda que, em 2020, espera fazer o primeiro follow-on (oferta subsequente de cotas) da Luggo.

Locação de empreendimentos

Além do fundo, a MRV disse que ao longo dos próximos meses iniciará a locação de dois novos empreendimentos: o Luggo Cenarium, com 15 andares e torre única em um bairro nobre de classe média alta na zona leste de Campinas, e o Luggo Lindóia, que terá 128 unidades em um dos maiores complexos esportivos de Curitiba.

A companhia informou ainda que outros sete terrenos foram adquiridos pela Luggo para construção de novos empreendimentos focados em locação.

Os novos condomínios serão construídos em cinco estados, nas cidades de Salvador, São Paulo, Campinas, Belo Horizonte, Porto Alegre e Brasília, totalizando 1.616 novas unidades.

Além das novidades, a MRV informou o primeiro empreendimento da Luggo, o Cipreste, atingiu 100% de ocupação em outubro deste ano e que permaneceu nesse patamar deste então.

Apesar dos primeiros distratos já terem ocorrido, o processo de relocação ocorreu dentro do mesmo mês e de forma eficiente.

"Isso é possível devido à criação de uma lista de interessados, atualmente com 165 pré-cadastros, localizada na página do empreendimento", destacou a companhia no comunicado.

Ela também informou que o Luggo Ecoville, primeiro empreendimento da Luggo em Curitiba, e que foi lançado dias antes do fundo já está 80% locado.

Segundo ela, a projeção é que o valor médio dos aluguéis fique em R$1.604,00, conforme acordado com o fundo.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

NOVAS NORMAS

Nova norma sobre lavagem de dinheiro influencia entrada do Brasil na OCDE, diz BC

A Circular nº 3.978 busca modernizar os procedimentos de Prevenção à Lavagem de Dinheiro e ao Financiamento ao Terrorismo (PLDFT) no Brasil

DE OLHO NO PIB

Nova grade de parâmetros pode trazer previsão de PIB maior que 2,4%, diz Waldery

Por outro lado, Waldery admitiu a possibilidade de retirada da projeção de receitas com a descotização de hidrelétricas da Eletrobras, que depende da privatização da companhia

VEM GRINGO

Bolsonaro autoriza entrada do Brasil em acordo que abre licitação a estrangeiros

O ministro da Economia, Paulo Guedes, já havia dito na terça-feira, 21, durante o Fórum Econômico Mundial, em Davos, que o Brasil entraria no acordo

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Nada como um minuto após o outro

Quem disse que o futebol é uma caixinha de surpresas não conhece a bolsa de valores. Quando deixei a redação do Seu Dinheiro no começo da tarde para fazer uma entrevista, o dia estava azedo nos mercados. Na mínima, o Ibovespa chegou a ficar abaixo dos 117 mil pontos. Não faltavam razões para o mau humor. Pela […]

Eye of the tiger

Ibovespa Balboa: índice leva uma surra no começo do dia, mas vira a luta e crava uma nova máxima

Os temores quanto à disseminação do coronavírus colocaram o Ibovespa nas cordas durante a manhã. Mas, ajudado pelo bom desempenho das ações dos bancos, o índice partiu para cima e fechou em alta, chegando pela primeira vez aos 119 mil pontos

CURSO DO SEU DINHEIRO

Qual é a REAL sobre a aposentadoria aos 40 anos?

O Seu Dinheiro lançou nesta semana um projeto para acelerar a sua aposentadoria. Recebi diversos e-mails de leitores com dúvidas sobre o projeto. Aqui está tudo que você precisa saber.

NOVO IMPOSTO NO RADAR

Paulo Guedes está de olho em criar “imposto do pecado” sobre bebidas, cigarros e açúcar

Tal medida poderia impactar no futuro ações de empresas de bebidas como Ambev, além de sucroenergéticas, como São Martinho, Biosev e Cosan

POLÍTICOS NA MIRA

BC aperta cerco contra políticos e familiares envolvidos em transações suspeitas

Atualmente, políticos como deputados federais, senadores e ministros já são considerados politicamente expostos, assim como seus parentes de primeiro grau

NADA DE VÍRUS POR AQUI

Ministério da Saúde afasta suspeita de casos de coronavírus no Brasil

Segundo o secretário, o Brasil está preparado para lidar com uma eventual epidemia da doença

Olho na Linx

Credit Suisse mantém recomendação de compra para Linx, mas reduz preço-alvo para ações

Em relatório divulgado hoje (23), os analistas Daniel Federle, Felipe Cheng e Juan Pablo Alba disseram que o corte tem a ver com as estimativas mais baixas para o volume de compras (TPV) dentro do Linx Pay e com a taxa que é cobrada pelo uso do sistema de pagamentos, que é conhecida como MDR

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements