Menu
2019-06-18T10:05:55-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Ursos por toda parte

Pessimismo entre gestores globais é o maior desde a crise de 2008

Bank of America Merrill Lynch mostra gestores globais fugindo do mercado de ações e prevendo contração da economia mundial nos próximos 12 meses

18 de junho de 2019
10:05
Urso
Urso simboliza o mercada de baixa ou bear market - Imagem: Shutterstock

A pesquisa do Bank of America Merrill Lynch com gestores globais de recursos captou o menor grau de confiança desde a crise financeira de 2008. O pessimismo é guiado pelas preocupações com a guerra comercial, recessão econômica e impotência da política monetária em lidar com esse quadro.

Não por acaso, o título da pesquisa é “Ursos por toda parte”, em referência ao termo “bear market”, mercado urso ou de baixa, que contrasta com o seu oposto, o “bull market”, mercado touro ou de alta.

Essa visão pessimista se traduz em uma redução das alocações no mercado de ações e aumento das posições em caixa.

A alocação em ações caiu 32 pontos de maio para junho, com 21% dos gestores dizendo carregar posições abaixo da média (underweight). Menor posicionamento desde março de 2009. A queda mensal foi a segunda maior já registrada pelo banco.

Enquanto isso, as posições médias em caixa subiram de 4,6% para 5,6%, maior alta desde o impasse sobre a elevação do teto de endividamento dos EUA em 2011.

A expectativas de crescimento colapsaram, recuando 46 pontos percentuais de maio para junho, queda recorde. Agora, 50% dos gestores acreditam em menor crescimento global ao longo dos próximos 12 meses. Para 87% dos entrevistados, a economia global está em “fim de ciclo”, maior leitura já captada.

Em linha com esse pessimismo as posições saíram de segmentos que se beneficiam de crescimento e maior inflação, para ativos mais defensivos como dinheiro, fundos imobiliários e títulos de renda fixa.

A preocupação com a guerra comercial subiu 19 pontos e agora 56% dos gestores colocam esse evento como maior risco a ser monitorado. Outros riscos citados são impotência da política monetária (11%), cenário político dos EUA (9%) e desaceleração da economia chinesa (9%).

A pesquisa foi realizada entre os dias 7 e 13 de junho, com 230 gestores responsáveis por US$ 645 bilhões. Na pesquisa global, foram 179 respondentes com US$ 528 bilhões, nas pesquisas regionais foram 119 participantes, com US$ 272 bilhões.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

MAIS LIDAS: Bolha? Que bolha?

A matéria que discute uma suposta bolha nos fundos imobiliários foi a mais lida desta semana. Oi, aposentadoria e bolsa também estiveram entre os assuntos de destaque

Em busca de investidores

Guedes vai a Davos para ‘vender’ o Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, será a principal autoridade brasileira no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça

LIÇÕES DO PAI RICO, PAI POBRE

Ganhando bem, mas longe de ser rico?

Robert Kiyosaki, autor do best seller Pai Rico, Pai Pobre, escreve aos sábados sobre suas lições de finanças

DE OLHO NOS EMPRÉSTIMOS

BNDES aprova empréstimos a exportações de Embraer, Marcopolo, Mercedes e Scania

A maior das operações foi para a fabricante de aviões Embraer, que tomou empréstimo de US$ 285 milhões para financiar a exportação de 11 aeronaves modelo E175 para a American Airlines, nos Estados Unidos

FUNDOS DE PENSÃO

Assessores de Guedes e mais 28 viram réus por rombo em fundos de pensão

“O Ministério Público Federal produziu e apresentou a este Juízo peça acusatória formalmente apta, acompanhada de vasto material probatório, contendo a descrição pormenorizada contra todos os denunciados”, anotou Vallisney.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

De volta para o futuro

Quando escrevi aqui na newsletter que não é possível prever o futuro, um leitor me corrigiu. Em alguns casos podemos sim antecipar com razoável grau de precisão o que vai acontecer: que o diga a previsão do tempo. Ele tem razão, mas a mesma premissa válida para a meteorologia não se aplica ao mercado financeiro. […]

Bolsa forte

Otimismo externo se sobrepõe à hesitação local e Ibovespa sobe 2,58% na semana

Apesar do viés “misto” dos mais recentes dados da atividade doméstica, o otimismo em relação ao acordo EUA-China e a força mostrada pela economia chinesa sustentaram o bom desempenho do Ibovespa

É HORA DE TER CALMA

Estágio atual recomenda cautela na política monetária, repete presidente do BC

Esta avaliação já constou nos documentos mais recentes do BC, inclusive na comunicação de dezembro do colegiado, quando a Selic (a taxa básica de juros) recuou de 5,00% para 4,50% ao ano

O QUE BOMBOU NA SEMANA

Podcast Touros e Ursos: A economia brasileira no centro das atenções

A equipe do Seu Dinheiro comenta as principais notícias da semana

Eleições

Lula já descarta candidatura de Haddad em SP

A escolha do candidato está marcada para o dia 15 de março. O ex-presidente quer uma definição antes desse prazo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements