Menu
2019-09-16T06:11:16-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
a bula do mercado

Volatilidade inesperada

Ataque a instalações sauditas de petróleo agita mercados antes do Fed

16 de setembro de 2019
6:11
selo bula do mercado
Imagem: Seu Dinheiro

Os ativos financeiros globais iniciam a semana sob o inesperado peso da volatilidade depois dos ataques perpetrados no fim de semana por rebeldes iemenitas contra instalações sauditas de petróleo.

Bombardeios aparentemente realizados com mísseis e a ajuda de drones resultaram na paralisação de metade da produção de petróleo da Arábia Saudita, retirando de circulação mais de 5% da produção mundial da commodity. Como resultado, os contratos futuros de petróleo iniciaram a semana com altas superiores a 10%.

Rebeldes iemenitas reivindicaram a autoria dos ataques de sábado e funcionários do governo dos Estados Unidos, aliados dos sauditas, apressaram-se em responsabilizar o Irã em vista do alinhamento da insurgência houthi com Teerã.

Os norte-americanos, no entanto, não apresentaram até o momento provas para sustentar suas alegações. Já o governo iraniano nega qualquer vínculo com as explosões, apesar de sua conhecida proximidade com os rebeldes.

Mudanças no tabuleiro do Oriente Médio?

As reivindicações, acusações e negativas parecem seguir um roteiro pré-definido enquanto a volatilidade no Oriente Médio só faz crescer. Com o apoio dos Estados Unidos, a Arábia Saudita vinha bombardeando há anos alvos rebeldes no Iêmen sem sofrer reações dignas de nota.

O ataque rebelde do fim de semana, além de demonstrar capacidade de resposta estratégica e a vulnerabilidade das instalações sauditas de petróleo, tem o potencial de resultar em uma virada de jogo no tabuleiro do Oriente Médio no caso de ir além de uma reação pontual, elevando temores em relação a uma escalada no conflito.

O governo saudita afirma que “em breve” um terço da produção afetada estará normalizada. Por sua vez, especialistas advertem que o restabelecimento da produção saudita deve ocorrer somente dentro de algumas semanas.

Ainda assim, os bombardeios trazem à tona uma volatilidade inesperada em uma semana que tenderia a avançar em compasso de espera até a tarde de quarta-feira, quando o Federal Reserve Bank dos Estados Unidos anunciará sua decisão de política monetária.

Analistas advertem que a alta do petróleo provocada pelos ataques tem o potencial de sinalizar aumento das pressões inflacionárias e disseminar aversão generalizada ao risco, contendo o momento de juros baixos nos Estados Unidos, estabelecendo um limite aos mercados de ações e fortalecendo o dólar contra as demais moedas.

Não bastasse a tensão geopolítica, os dados chineses de produção industrial e vendas no varejo referentes a agosto registraram desaceleração e vieram abaixo da expectativa dos analistas. Como resultado, as principais bolsas de valores asiáticas fecharam hoje em baixa. Já os mercados de ações europeus abriram em queda generalizada.

Com isso, os ativos financeiros locais devem abrir a semana sob intensa pressão dos eventos externos, com os investidores de olho nos sinais da pesquisa Focus sobre as expectativas econômicas dos agentes do mercado financeiro e do IGP-10 da Fundação Getúlio Vargas.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

medida emergencial

Caixa está criando 30 milhões de contas digitais de graça, diz Guimarães

Segundo ele, a Caixa quer incentivar os beneficiários que façam transferências e pagamentos digitais para evitar aglomerações em agências e lotéricas

crise coronavírus

Trump avalia como reabrir partes da economia, diz secretário do Tesouro

Mnuchin disse ainda o governo deverá fazer repasses diretos de dinheiro para adultos com renda anual inferior a US$ 99 mil até o fim da próxima semana

diz iif

Dívida global sobe US$ 10 trilhões em 2019, a US$ 255 tri

Segundo a instituição, trata-se de um nível 40% maior do que o registrado no início da crise financeira de 2008.

atritos em brasília

Maia cita Mandetta e diz que Bolsonaro ‘ouve mais rede social do que Congresso’

Ao falar do presidente, Maia destacou que seria bom no segundo semestre ele manter uma boa relação com o Congresso Nacional

de olho nas estimativas

Petrobras estima produção de petróleo em abril de 2,07 milhões de barris por dia

No comunicado, a companhia diz que segue monitorando o mercado e, em caso de necessidade, realizará novos ajustes

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta terça-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Exile on Wall Street

Agenda 2021: a dívida brasileira não pode ser deixada para trás

Por motivos (legítimos) de força maior, abandonamos a cartilha liberal para adotar uma estratégia keynesiana, sintetizada no slogan “nenhum brasileiro será deixado para trás”. Entendo o movimento. E até o considero correto

Mais uma disparada

Ibovespa abre em alta firme e se aproxima dos 80 mil pontos; dólar cai a R$ 5,19

O Ibovespa avança mais de 7% nesta manhã, ainda aproveitando o otimismo dos investidores com a estabilização nas curvas de contágio do coronavírus na Europa e nos EUA. Por aqui, a permanência de Luiz Henrique Mandetta no comando do ministério da Saúde também agrada os investidores

medida anticrise

Caixa lança site e aplicativo para auxílio emergencial; veja quem tem direito

Anúncio é uma das medidas do governo para fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

15 notícias para você começar o dia bem informado

O mês de março foi um banho de sangue nos mercados. Todo mundo que investe além da renda fixa perdeu dinheiro… só que não. Um levantamento feito a pedido do Seu Dinheiro mostra que 83 fundos multimercados ficaram no azul em março, enquanto o segmento teve uma queda média de 6,24%. O destaque de hoje […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements