Menu
2019-07-14T19:57:26-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
recorde

Localiza registra lucro líquido de R$ 216,3 milhões no 1º trimestre de 2019

Valor, que não leva em conta os efeitos do IFRS 16, é 22,9% maior que o mesmo período do ano anterior

26 de abril de 2019
8:16 - atualizado às 19:57
Localiza
Loja da Localiza - Imagem: Divulgação

A Localiza apresentou resultados nesta quinta-feira que devem agradar acionistas. A empresa registrou, no primeiro trimestre de 2019, um lucro líquido recorde de R$216,3 milhões — valor 22,9% maior que o mesmo período do ano passado.

Considerando o efeito IFRS 16, o lucro líquido da empresa atinge R$ 210,8 milhões no trimestre. Analistas ouvidos pela agência Bloomberg projetavam um lucro líquido de R$ 214 milhões, tendo como base valores anteriores.

No trimestre, o Ebitda consolidado (Lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização), excluindo-se os impactos do IFRS 16, totalizou R$ 498,5 milhões. O valor é 25,4% maior que o mesmo período do ano anterior. Considerando-se os efeitos do IFRS 16, o Ebitda totalizou R$ 538,2 milhões, informa e empresa.

Em relação a receita líquida, o valor ficou em R$ 2.447,7 milhões, o que representa 34,3% a mais que o primeiro trimestre de 2018.

Bom momento

A empresa atribui os bons resultados ao crescimento da receita e das margens nas divisões de Aluguel de Carros e Gestão de Frotas — o aumento do Ebitda foi de R$101,1. O informe de resultados também fala, entre outras coisas, na redução de R$0,7 milhão em imposto de renda e contribuição social, devido à alíquota efetiva, que passou de 27% para 22,9%.

Fundada em 1973, a Localiza teve, em fevereiro passado, a finalização da mais uma emissão de ações. A empresa capitalizou R$ 1,8 bilhão.

IFRS 16

A Localiza lembra, no informe de resultados, que desde 1º de Janeiro de 2019, estão vigentes as regras contábeis do IFRS 16, "sendo que o maior impacto que tivemos se refere aos contratos de locação de imóveis das nossas agências e lojas."

"Foram contabilizados no Ativo e no Passivo, os valores presentes dos fluxos de contratos existentes. Ao invés de despesa de aluguel (antes do Ebitda), agora temos a contabilização da depreciação do ativo que foi criado e a despesa financeira dos “juros” sobre esse novo passivo", diz a empresa.

A Localiza diz que no início dos contratos de alugueis, o impacto das despesas financeiras é maior que ao final, de forma que o impacto do IFRS 16 é negativo no lucro quando os contratos são mais novos (e agora no início da adoção) e isso se reverte ao final dos contratos. Ao longo de toda a vida do contrato, o impacto nos resultados é neutro, informa a empresa.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

seu dinheiro na sua noite

A chance do Pão de Açúcar de focar no seu negócio principal

Nessa nova experiência de home office que muitos de nós estamos vivendo, parcial ou integralmente, um dos desafios é conseguir manter o foco durante todo o expediente. Algumas pessoas dizem conseguir se concentrar muito melhor trabalhando de casa, onde é mais silencioso e confortável. Outras, como eu, encontraram bastante dificuldade para não procrastinar e acabar […]

Falta só a sanção

Câmara aprova prorrogação do prazo de entrega do Imposto de Renda até 31 de julho

Além de dar mais 90 dias de prazo, o texto também limitou o pagamento do imposto a, no máximo, seis parcelas

FECHAMENTO

Ibovespa engata segunda alta consecutiva, mas tempo segue fechado em Brasília

O Orçamento segue empacado e a situação fiscal preocupa, mas NY e as commodities vieram para salvar o dia e fazer o Ibovespa fechar a sessão no azul

Clássicos repaginados

Hasbro se une à plataforma de games Roblox para lançar novos produtos

A gigante dos brinquedos anunciou uma série de itens das linhas Nerf e Monopoly em parceria com a novata Roblox

Bom momento

Construtoras apresentam prévias operacionais fortes, apesar de restrições por causa da pandemia

Apesar dos lançamentos fracos, Cyrela viu crescimento nas vendas líquidas em comparação ao mesmo período do ano anterior; Direcional e Moura Dubeux bateram recordes de vendas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies