Menu
2019-04-05T15:50:06-03:00
Estadão Conteúdo
Balanço

Light tem lucro líquido no 4º trimestre de R$ 92 milhões (+1,3% em um ano)

Administração da companhia atribuiu o ganho acima do apresentado em 2017 principalmente à melhora do resultado financeiro em 2018

29 de março de 2019
9:34 - atualizado às 15:50
Light
Imagem: Divulgação/Light

A Light encerrou o quarto trimestre de 2018 com lucro líquido de R$ 92 milhões, levemente acima do apresentado no mesmo período do ano anterior, de R$ 91 milhões, variação de 1,3%. A administração da companhia atribui esse ganho principalmente à melhora do resultado financeiro. "Ao longo de 2018, a Companhia manteve o foco na estratégia da melhora do perfil da dívida a fim de reforçar seu compromisso com a liquidez", diz a Light no informe de resultados.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) no critério ajustado consolidado foi de R$ 430 milhões, o que representa uma queda de 44%, devido a efeitos não
recorrentes ocorridos no quarto trimestre de 2017, como o ajuste do valor justo do ativo indenizável da concessão (VNR) na distribuidora e o reconhecimento de indenização operacional na comercializadora, além de redução do mercado faturado e aumento das perdas.

A margem Ebitda ajustado também caiu, para 15,9%, de 23,8% em igual intervalo de 2017. O mercado total faturado apresentou queda de 3,5% no trimestre, para 6.954 GWh, e o cativo, de 6,5%, para 4.595 GWh. As perdas totais (carga/fio) em 12 meses foram de 23,95% no quarto trimestre, acima de 21,92% no mesmo período do ano anterior.

O indicador de covenants Dívida Líquida/EBITDA ficou em 3,63 vezes ao final do quarto trimestre, menor que o limite máximo de 3,75 vezes estabelecido contratualmente para as dívidas com covenants de manutenção. Mas o indicador de covenants EBITDA/Juros foi de 3,17 vezes, acima do limite mínimo de 2,00 vezes. A dívida líquida ao final do período era de R$ 8,017 bilhões, 11,3% maior que no quarto trimestre de 2017.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

fim do dia

Tudo para cima: Ibovespa fecha em alta com vacina de Oxford eficaz, enquanto risco fiscal pressiona dólar e juros

Principal índice da B3 fecha no maior patamar desde 21 de fevereiro e acumula ganhos de 14% em novembro. Paralisia com reformas e crescente dívida pública instiga alta de dólar e juros

Corrida contra o tempo

Moody’s: vacinação em massa tem potencial significativo de melhora do PIB global

Hoje foi a vez da AstraZeneca, que seguiu as farmacêuticas Moderna e Pfizer nas semanas anteriores, todas com eficácia na casa dos 90%.

privatizações na agenda

Guedes diz que é preciso privatizar os Correios ‘antes que o ativo se deteriore’

Ministro classificou como importante a rede de entregas da estatal; ele justificou demora em desestatizações e reiterou que auxílio emergencial acaba no final do ano

Tudo normal?

Maioria das empresas está otimista para vendas na Black Friday, diz Boa Vista

Cerca de 66% das empresas acreditam que as vendas da Black Friday em 2020 serão iguais ou superiores às de 2019.

DINHEIRO NO BOLSO

BB Investimentos muda carteira de dividendos após resultados do 3º trimestre

Analistas avaliam que retomada da economia fomenta a expectativa de melhores resultados, resultando no maior pagamento de proventos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies