Menu
2019-05-07T11:28:49-03:00
Estadão Conteúdo
crescimento lento

Indicador de investimentos do Ipea sobe 1,1% em março ante fevereiro

Crescimento será de apenas 0,6% no PIB do primeiro trimestre na comparação com os três meses anteriores

7 de maio de 2019
11:14 - atualizado às 11:28
Investimentos
Investimentos - Imagem: Mind and I/Shutterstock

Os investimentos deverão crescer apenas 0,6% no Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre na comparação com o quarto trimestre de 2018, conforme projeção do Indicador Ipea de Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF), do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O indicador registrou alta de 1,1% em março ante fevereiro, com ajuste sazonal, informou nesta terça-feira, 8, o órgão de pesquisas.

Com os dados fechados do primeiro trimestre, houve alta de 3,8% no indicador ante os três primeiros meses de 2018. Isoladamente em março, o Indicador Ipea de FBCF avançou 1,6% ante igual mês do ano passado.

No acumulado em 12 meses, o indicador registra alta de 4,4%.

Na ótica trimestral, o consumo aparente de máquinas e equipamentos (Came, que corresponde à produção doméstica, excluídas as exportações e somadas as importações) segurou o resultado na comparação com o quarto trimestre de 2018. A alta de 2,1% na Came em março ante fevereiro não impediu a queda de 1,5% no componente, na comparação com o último trimestre do ano passado.

"Em março, de acordo com os componentes do Came, enquanto a produção interna de bens de capital líquida de exportações cresceu 1,8%, a importação de bens de capital aumentou 7,4% no mesmo período", segundo nota publicada no Blog da Carta de Conjuntura, do Ipea. Em 12 meses, o Came acumula expansão de 12,7%.

Outro componente do Indicador Ipea de FBCF, o indicador de construção civil cresceu 1,7% no primeiro trimestre ante os três últimos meses de 2018. Isoladamente em março, o componente da construção civil encolheu 1,8% ante fevereiro. No acumulado em 12 meses, o setor registra recuo de 2%.

O terceiro componente da FBCF, classificado como outros ativos fixos, apresentou queda de 0,5% na passagem de fevereiro para março, encerrando o primeiro trimestre com alta de 3%.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

SE PROTEJA

Títulos de renda fixa atrelados ao IPCA viram opção

Alta da inflação em outubro faz investidores e gestores avaliarem novas formas de proteção de patrimônio

SELEÇÃO DE NOTÍCIAS

BDR, bitcoin, shopping: o melhor do Seu Dinheiro na semana

O fim de semana chegou com uma notícia bastante esperada pelos investidores: a volta do Ibovespa ao patamar de 100 mil pontos. O principal índice da B3 foi impulsionado esta semana por dois acontecimentos. O primeiro deles foi o alívio das preocupações em torno do risco fiscal brasileiro, com políticos e governo demonstrando compromisso com a manutenção do teto de gastos. Outro tema foi a esperança de aprovação de um pacote de estímulos […]

TRIBUTAÇÃO

É ilegal tributar doação fora do país, diz Toffoli

Ministro votou pela inconstitucionalidade da cobrança de ITCMD quando patrimônio herdado ou doado está no exterior

Prévia do terceiro trimestre

Grandes bancos começam a olhar crise pelo retrovisor, mas com lucro ainda em queda

Lucro combinado de Itaú, Banco do Brasil, Bradesco e Santander deve aumentar em relação ao trimestre anterior, mas ainda ficará bem abaixo dos patamares de 2019

Coluna do Mioto

Vinte conselhos não óbvios de carreira

Estes são conselhos de carreira para jovens profissionais que tenham a ambição de serem promovidos e terem relevância dentro das suas empresas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies