Menu
2019-10-14T14:25:55-03:00
Estadão Conteúdo
Dados do IIF

Emergentes atraíram US$ 37,7 bilhões em fluxos de portfólio em setembro

Mercado de renda fixa dos emergentes foi o que mais atraiu os investidores, recebendo US$ 27,6 bilhões em setembro

1 de outubro de 2019
15:47 - atualizado às 14:25
Imagem mostra pontos que formam saco de dinheiro
Imagem: Shutterstock

O Instituto Internacional de Finanças (IIF), formado pelos maiores bancos do mundo, com sede em Washington, divulgou que os emergentes receberam US$ 37,7 bilhões em setembro para investimentos em bolsa e renda fixa, uma recuperação após as fortes perdas de recursos registradas em agosto, que somaram US$ 13,9 bilhões, de acordo com dados preliminares divulgados.

O mercado de renda fixa dos emergentes foi o que mais atraiu os investidores, recebendo US$ 27,6 bilhões em setembro. Nas bolsas, os aportes dos estrangeiros somaram US$ 10,3 bilhões, com a grande parte direcionada para a China.

Os economistas do IIF ressaltam que o ano tem sido marcado por comportamento bastante volátil nos fluxos de capital para emergentes, ao sabor dos rumos das negociações comerciais entre China e Estados Unidos.

A deterioração das conversas em maio causou saída de recursos, mesmo movimento verificado em agosto, quando ocorreu nova deterioração da relação entre as duas maiores economias do mundo. Em setembro, a sinalização de avanço nas negociações estimulou o investidor a buscar ativos de risco nos emergentes.

Entre as regiões, na renda fixa, quem mais recebeu fluxos externos foram os emergentes da Ásia (US$ 13,3 bilhões), seguidos por América Latina (US$ 6,3 bilhões). Na renda variável, a Ásia também lidera, com US$ 9 bilhões, basicamente tudo direcionado para a China.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Mercado de capitais

CVM libera bancos para fazerem empréstimos “travestidos” de debêntures

Financiamento via debêntures conta com algumas vantagens em relação ao empréstimo tradicional, como a alíquota zero de IOF

Crise

Venda de veículos cai 16,7% e tem pior fevereiro em 3 anos, diz Fenabrave

Desde 2018, quando foram vendidos 156,9 mil veículos no segundo mês do ano, o setor não tinha um fevereiro tão fraco.

Mudanças

Governo estudará como zerar imposto sobre diesel de forma definitiva, diz Bolsonaro

O governo também vai cortar benefícios dados a pessoas com deficiência na aquisição de veículos e extinguir o Reiq, que concede incentivos para o setor.

calma, gente

XP considera exagerada reação do mercado à alta de impostos sobre bancos

Analistas ponderam impacto que alta do tributo terá no lucro e no valuation e mantêm recomendação de compra para Bradesco e BB

Exile on Wall Street

O Brasil do Doutor Castor

Castor de Andrade foi talvez o mais famoso bicheiro brasileiro. Tinha, quase literalmente, um exército trabalhando para si. Chegou a contar com mais de cem policiais a seu dispor, além de vários servidores públicos, políticos proeminentes e juízes sob sua influência. Apareceu na posição de segundo homem mais rico do Brasil no meio da década […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies