Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-02T11:16:21-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
o baque dos gigantes

Disputa comercial entre China e EUA já afeta Japão e Coreia do Sul

Coreia do Sul disse que as suas exportações para a China caíram 21,3% em agosto; Japão teve reflexo negativo em gastos de capital pelos fabricantes

2 de setembro de 2019
11:16
Coreia do Sul e Japão
Imagem: Shutterstock

A guerra comercial entre os Estados Unidos e a China está começando a segurar as economias dos vizinhos da China - a começar com fabricantes de equipamentos de alta tecnologia.

A Coreia do Sul disse no domingo que as suas exportações para a China caíram 21,3% em agosto na comparação anual, puxando um declínio geral de 13,6% nas suas exportações.

O Japão disse nesta segunda-feira, 2, que os gastos de capital pelos fabricantes do país caíram 6,9% no trimestre de abril a junho. Esse é o primeiro declínio em dois anos, à medida que companhias buscavam lidar com um declínio de quase dois dígitos nas exportações para a China.

"Dado que não há nenhum sinal de recuperação nas exportações do Japão devido à fricção comercial EUA-China, espera-se que a tendência negativa nos lucros de fabricantes e investimentos continue", disse o analista do Instituto de Pesquisa NLI Taro Saito.

Novas tarifas

No domingo, os EUA foram adiante com novas tarifas de 15% sobre vestuário e outras importações avaliados em US$ 111 bilhões no ano passado, adicionalmente a tarifas de 25% impostas anteriormente sobre cerca de US$ 250 bilhões em importações chinesas.

O ministro da Indústria da Coreia do Sul, Sung Yun-mo, citou as tarifas ascendentes como um sinal de alerta junto com outras tensões regionais incluindo as restrições mais rigorosas do Japão sobre exportações para a Coreia do Sul. Tóquio atribuiu as restrições a sua falta de confiança em Seul após disputas em torno do legado colonial do Japão.

"A crescente contenda comercial entre os Estados Unidos e a China, junto com as restrições a exportações e a crise em Hong Kong precipitaram incertezas no ambiente global de negócios", disse Sung.

*Como Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O tal do "tapering"

Fed mantém juros e, sem data definida, aponta início do processo de redução de estímulos em breve

O momento ideal para que o Fed comece a pisar no freio com as compras de ativos é o grande debate entre dirigentes e investidores nos últimos três encontros do grupo

caiu demais?

Americanas (AMER3) pode dobrar de valor, diz BB, que vê empresa menos endividada

Banco estabeleceu preço-alvo de R$ 75,30 para os papéis, citando crescimento de vendas e ganho de margem líquida com redução da alavancagem financeira

Virou o jogo

Arezzo (ARZZ3) pode subir 30% com compra da Reserva e novas aquisições

Os analistas do banco de investimentos estão mais confiantes no potencial de lucro da empresa e elevaram também o preço-alvo dos papéis

unicórnio latino

Plataforma de venda de carros usados Kavak se torna a segunda startup mais valiosa da América Latina

Empresa foi avaliada em US$ 8,7 bilhões, após nova rodada de aportes liderada pelo fundo de venture capital General Catalyst

Oportunidades

Ditadura, crise de 2008 e tragédia do governo Dilma: nada venceu a Bolsa no longo prazo; conheça 7 ações promissoras diante da queda do Ibovespa

É tolice cair no desespero de vender ações na baixa do Ibov, afinal, histórico da Bolsa mostra que nenhuma crise venceu a bolsa no longo prazo; dito isso, o Seu Dinheiro apresenta para você oportunidades que você deve ficar de olho

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies