Menu
2019-05-14T06:45:34-03:00
Estadão Conteúdo
tensão comercial

BC chinês faz injeção de US$ 29,5 bilhões em meio a tensão comercial com EUA

A iniciativa tem o objetivo de compensar quaisquer impactos na liquidez relacionados a pagamentos tributários por empresas chinesas, entre outros fatores, informou o PBoC

14 de maio de 2019
6:45
China
China - Imagem: Shutterstock

O Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) injetou recursos adicionais no sistema bancário por meio de uma ferramenta de crédito especial nesta terça-feira, 14, em meio ao acirramento da tensão comercial com os Estados Unidos.

O PBoC fez uma injeção de 200 bilhões de yuans, equivalente a US$ 29,5 bilhões, através de sua linha de crédito de médio prazo, valor que excedeu o total de empréstimos que vence no mesmo dia em 44 bilhões de yuans, segundo comunicado do BC chinês.

A iniciativa tem o objetivo de compensar quaisquer impactos na liquidez relacionados a pagamentos tributários por empresas chinesas, entre outros fatores, informou o PBoC, sem oferecer mais detalhes.

Os empréstimos de um ano foram oferecidos a bancos comerciais a uma taxa de juros de 3,3%, a mesma de operações anteriores.

Economistas dizem que a China provavelmente irá ampliar esforços para impulsionar o crescimento de sua economia à medida que suas desavenças comerciais com os Estados Unidos se agravam.

Pequim anunciou ontem planos de ampliar tarifas sobre US$ 60 bilhões em produtos americanos, em resposta à decisão de Washington de aumentar tarifas sobre US$ 200 bilhões em bens chineses na última sexta-feira (10).

Os Estados Unidos também revelaram a intenção de impor tarifa de 25% a mais US$ 300 bilhões em importações da China em meados deste ano. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

O melhor do seu dinheiro

Alguém chame os bombeiros

Hoje tivemos mais um dia de grande volatilidade nos mercados brasileiros, que entraram em parafuso com o temor de que o teto de gastos poderia vir a ser furado. Os investidores aguardam com grande ansiedade a votação da PEC Emergencial, aquela que permitirá o retorno do auxílio emergencial. E rumores de que ela seria desidratada […]

FECHAMENTO

Em dia de alta volatilidade, Lira salva Ibovespa de um fiasco e segura o dólar em R$ 5,66

A volatilidade reinou absoluta nesta quarta-feira (03) e mais uma vez Brasília foi responsável por movimentar os negócios no Brasil. Lá fora, o dia foi de cautela com a alta dos juros futuros

Luz no fim do túnel?

Ministério da Saúde avança em negociações com laboratórios para comprar vacinas

A declaração do MS foi dada pelo titular da pasta, Eduardo Pazuello, em reunião com a Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Crypto News

Bitcoin para leigos e descrentes também

Descrever algo tão complexo como o Bitcoin exige repertório, dedicação e um pouco de sedução de quem apresenta.

Ruim, mas nem tanto?

“É um dos países que menos caíram no mundo”, afirma Bolsonaro, sobre queda de 4% no PIB

Para Bolsonaro a queda do PIB só não foi maior devido a movimentação da economia gerada pelo auxílio emergencial.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies