Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-07-22T09:55:22-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
sem quedas

Projeção para alta do PIB em 2019 fica em 0,82%, após 20 semanas de queda

Relatório de Mercado Focus trouxe nesta segunda-feira que a mediana das previsões para a Selic em 2019 seguiu em 5,50% ao ano

22 de julho de 2019
8:40 - atualizado às 9:55
crescimento economia
Imagem: Shutterstock

O boletim Focus divulgado nesta segunda-feira, 22, estima um crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2019 de 0,82%, acima da previsão da semana passada, de 0,81%. Depois de 20 semanas, essa é a primeira vez que a publicação do Banco Central não derruba sua própria projeção. Para 2020, a estimativa dos economistas segue em 2,10%.

No final de maio, o IBGE confirmou contração do PIB em 0,2% nos três primeiros meses de 2019 na comparação com o último trimestre do ano passado. A última queda do indicador havia ocorrido no quarto trimestre de 2016 e tinha sido de 0,6%. Em valores correntes, o principal indicador da economia brasileira totalizou R$ 1,714 trilhão.

Os economistas do mercado financeiro mantiveram suas projeções para a Selic (a taxa básica de juros) no fim de 2019. O Relatório de Mercado Focus trouxe nesta segunda-feira que a mediana das previsões para a Selic em 2019 seguiu em 5,50% ao ano. Já a projeção para a Selic no fim de 2020 passou de 6% para 5,75% ao ano.

Os economistas do mercado financeiro alteraram também a previsão para o IPCA - o índice oficial de preços - em 2019 e 2020. Para o Focus, a mediana para o IPCA este ano passou de 3,82% para 3,78%. A projeção para o índice em 2020 segue em 3,90%.

O relatório Focus trouxe ainda a projeção para o IPCA em 2021, que seguiu em 3,75%. No caso de 2022, a expectativa passou para 3,65%, ante 3,75% da semana passada.

O relatório também traz que a mediana das expectativas para o câmbio no fim deste ano caiu de R$ 3,80 para R$ 3,75. Já para o próximo ano, a projeção para o câmbio permaneceu em R$ 3,80, número igual ao verificado quatro pesquisas atrás.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O Ibovespa na contramão do mundo, o impulso das commodities, a pressão dos servidores públicos e tudo o que agitou os mercados nesta terça

Nada como uma perspectiva de aperto monetário para segurar o desempenho dos ativos de risco. E nesta terça-feira (18), os mercados financeiros americanos voltaram do feriado colocando nos preços a expectativa dos investidores com a alta dos juros e a redução dos estímulos monetários nos Estados Unidos. O resultado foi uma disparada nos juros futuros, […]

Fechamento Hoje

Ibovespa sobrevive a mar vermelho no exterior e consegue fechar em alta; avanço nos retornos dos Treasuries pesa nos juros e no câmbio

Principal índice da B3 lutou para se manter no lado positivo ao longo de todo o pregão, com ajuda das commodities; dólar, porém, também fechou em alta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies