Menu
2019-04-04T08:59:14-03:00
Estadão Conteúdo
Guerra tarifária

EUA e China retomam negociações comerciais nesta terça-feira

Na semana passada, delegações dos dois países se reuniram em Pequim, mas não chegaram a um acordo comercial, embora ambos os lados tenham falado em “progresso”

19 de fevereiro de 2019
7:09 - atualizado às 8:59
China - Estados Unidos
Imagem: shutterstock

Os Estados Unidos e China vão lançar uma nova rodada de negociações para tentar solucionar suas desavenças comerciais a partir desta terça-feira, em Washington, segundo comunicado da Casa Branca desta terça-feira, 19.

Na semana passada, delegações dos dois países se reuniram em Pequim, mas não chegaram a um acordo comercial, embora ambos os lados tenham falado em "progresso" nas discussões.

Na quinta-feira, 21, começa a segunda parte das negociações, envolvendo funcionários de alto escalão, de acordo com o comunicado da Casa Branca.

A equipe americana será liderada pelo Representante de Comércio dos EUA, Robert Lighthizer, e incluirá o Secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, e o Secretário do Comércio, Wilbur Ross.

O Ministério do Comércio chinês informou, por sua vez, que o vice-primeiro-ministro da China, Liu He, participará das conversas com Lighthizer e Mnuchin em Washington na quinta e sexta-feira.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Temos vacina!

Por unanimidade, Anvisa aprova uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford/AstraZeneca

Primeiros profissionais de saúde já foram vacinados em pronunciamento do governador de São Paulo, João Doria

Mais uma recomendação

Técnicos da Anvisa recomendam uso emergencial da vacina de Oxford/AstraZeneca

Mais cedo, área técnica havia defendido aprovação da CoronaVac

Ainda falta...

Anvisa devolve pedido de uso emergencial da Sputnik

Laboratório russo não apresentou os requisitos mínimos para que o pedido de uso emergencial pudesse ser analisado pela agência

Quase lá

Área técnica da Anvisa recomenda uso emergencial da CoronaVac

Diretores da agência analisam pedidos de uso de vacinas. No momento, a área técnica ainda faz a apresentação. Em seguida, a relatora do tema, diretora Meiruze Freitas lerá seu voto, com os outros quatro diretores da agência votando depois

coronavírus

Covid-19: Brasil tem 8,4 milhões de casos e 61 mil novos diagnósticos nas últimas 24h

Segundo ministério, 7.388.784 pacientes recuperaram-se da doença

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies