Menu
2019-06-12T18:48:09-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Jornalista formado pela Universidade de Federal do Paraná (UFPR). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros veículos.
quem dá mais?

Centauro eleva (de novo) proposta pela Netshoes — para cerca de US$ 114,9 milhões

A nova proposta equivale a US$ 3,70 por ação. A Centauro já havia oferecido, no último dia 28, US$ 3,50 por papel, mas o Conselho de Administração da Netshoes mostrou-se favorável à proposta feita pelo Magalu

12 de junho de 2019
7:21 - atualizado às 18:48
Estátua de Centauro e um céu de nevoeiro
Estátua de Centauro - Imagem: Shutterstock

A Centauro elevou novamente a proposta pela Netshoes, oferecendo US$ 3,70 por ação — cerca de US$ 114,9 milhões. E, com o anúncio, as ações da Netshoes na bolsa de Nova York subiram forte e fecharam o pregão desta quarta-feira (12) em alta de 13,16%, a US$ 3,44.

Em meio à disputa com o Magazine Luiza, a empresa já havia oferecido, no último dia 28, US$ 3,50 por ação. Mas o Conselho de Administração da Netshoes mostrou-se favorável à proposta feita pelo Magalu, de US$ 3,00 por ação.

Segundo a diretoria da Netshoes, a oferta da Centauro, a de US$ 3,50, não fornecia garantias suficientes em relação à condição financeira da companhia. Além disso, a fusão com o Magalu já havia recebido anuência do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Diante disso, com a nova proposta a Centauro se dispõe a emprestar R$ 120 milhões, para reforço de capital de giro da empresa, e diz que vai liberar esse valor em até três tranches — sendo a primeira, no valor de R$ 70 milhões, em dois dias úteis a partir da assinatura do contrato mútuo.

O valor de R$ 120 milhões seria corrigido por 100% do CDI, acrescido de juros remuneratórios à taxa de 4% ao ano, pro rata temporis. A Netshoes teria 180 dias após a assinatura do contrato para quitar o empréstimo.

Outra novidade proposta pela Centauro é a contratação de um financiamento adicional com o Banco Votoratim, o que elevaria de R$ 325 milhões para R$ 375 milhões os recursos a serem tomados por empréstimo pela companhia para subsidiar a transação.

Em fato relevante, a companhia ainda ressaltou que as medidas se somam à proposta de celebração de um contrato de associação de marketplace, que permitirá a Centauro disponibilizar integralmente seu estoque para a venda no site da Netshoes.

"O contrato de marketplace terá prazo de vigência de um ano e incrementará o volume de estoque da Netshoes em aproximadamente R$ 300 milhões", diz o documento assinado pelo diretor de Relações com Investidores da empresa, José Luís Magalhães Salazar.

Quem dá mais?

A primeira oferta pela Netshoes partiu do Magazine Luiza no final de abril. A companhia propôs pagar US$ 2,00 por ação (cerca de US$ 62 milhões). Logo depois, a Centauro ofereceu US$ 2,80 por ação, numa operação que chegaria a US$ 87 milhões.

O Magalu então apresentou um aditivo para aumentar a oferta para US$ 3 por ação, somando aproximadamente US$ 93 milhões. Logo depois, a Centauro subiu a proposta para US$ 3,50/ação, ou US$ 108,7 milhões.

Ainda assim, o Conselho de Administração da Netshoes mostrou-se favorável à proposta feita pelo Magazine Luiza, marcando uma nova assembleia para esta sexta-feira (14).

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Contas analisadas

CMN aprova balanço do Banco Central no 2º semestre de 2019, com lucro de R$ 64,5 bilhões

Com os R$ 21,04 bilhões de lucro no primeiro semestre, o resultado total do ano para a instituição em 2019 foi de R$ 85,57 bilhões

Novidade na área

Caixa confirma parceria om Visa em cartões

Acordo marca o primeiro negócio fechado pelo banco público para constituir um braço de meios de pagamentos

Ano trágico

Vale tem prejuízo de US$ 1,7 bilhão em 2019; provisões e despesas por Brumadinho chegam a US$ 7,4 bilhões

A Vale fechou 2019 com um prejuízo bilionário, fortemente pressionada pelas provisões relacionadas ao rompimento da barragem em Brumadinho — efeitos que superaram em muito os ganhos relacionados à valorização do minério de ferro no ano

Gigante do varejo

Carrefour registra lucro líquido a controladores de R$ 636 milhões no 4º trimestre de 2019

Resultado representa uma alta de quase 20% na comparação com o mesmo período do ano anterior

Adiou de vez

Bolsonaro confirma envio de reforma administrativa só depois do carnaval

Presidente disse que a reforma administrativa está “madura”, embora ainda não esteja pronta

Na ponta do lápis

Vale, SulAmérica, Carrefour e B2W: os balanços que movimentam o mercado no pré-Carnaval

Na maratona de balanços anuais de 2019, novos peso-pesados do mercado anunciaram seus números

Retorno maior com juro baixo

Menos liquidez, mais diversificação: como os clientes ricos do Itaú andam investindo

Com juro baixo, clientes private do Itaú vêm reduzindo alocação em renda fixa pós-fixada e migrando para ativos com mais risco de mercado ou liquidez, como ações, multimercados e investimentos de baixa liquidez.

Seu Dinheiro na sua noite

Hoje tem recorde do dólar?

Tem, sim senhor. Em mais um dia sem a presença do Banco Central no mercado, a moeda do país de Donald Trump tirou tinta dos R$ 4,40, mas perdeu um pouco de força e fechou aos R$ 4,391, alta de 0,60%. A alta recente do dólar, um movimento que na verdade começou lá em agosto […]

Sem alívio

Mais uma sessão, mais um recorde: dólar segue em alta e chega pela primeira vez aos R$ 4,39

O mercado de câmbio continuou pressionado pelo coronavírus e pela fraqueza da economia doméstica. Nesse cenário, o dólar à vista ficou a um triz de bater os R$ 4,40, enquanto o Ibovespa caiu mais de 1% e voltou aos 114 mil pontos

Ele fica

Ministro chama de ‘maior mentira’ história de pedido de saída de Guedes

Ruído sobre eventual saída do titular da Economia do governo se espalhou pelos mercados nesta semana

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements