Menu
Julia Wiltgen
O melhor do Seu Dinheiro
Julia Wiltgen
2019-12-16T19:30:15-03:00
SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Viagem de férias mais barata?

16 de dezembro de 2019
19:30
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Caro leitor,

Dezembrou. O recesso de final de ano ainda não começou, mas a última semana verdadeiramente útil do ano já traz menos notícias e um clima mais tranquilo aqui nas ruas do coração financeiro de São Paulo. Grandes chances de que nos centros econômicos das outras capitais as coisas também estejam mais ou menos assim.

Muita gente aproveita para emendar as férias no período de festas, até para que o seu descanso coincida com as férias escolares dos filhos. Mas mesmo quem não vai fazer isso pode optar por fazer uma viagem curta no Natal ou Réveillon.

Seja como for, o dólar mais caro tem sido o terror dos viajantes, especialmente aqueles que gostariam de ir para o exterior. Mas ultimamente o preço da moeda americana tem cedido bastante, e hoje recuou mais de 1%.

Agora, o dólar se aproxima novamente da marca dos R$ 4. E pensar que no fim de novembro, a cotação estava acima de R$ 4,20. Será que os viajantes terão um alívio no bolso durante as férias?

O Victor Aguiar, que está sempre de olho nas flutuações do câmbio, explica o porquê da queda de hoje e traz também o desempenho da bolsa - que bem tentou bater um novo recorde, mas não conseguiu.

Mais uma varejista pra lista

Na segunda prévia do Ibovespa divulgada pela B3 - uma espécie de “esquenta” das ações que podem entrar na carteira definitiva do principal índice da bolsa -, a novidade está na entrada de mais uma varejista. Conheça a estreante e saiba como ficariam os pesos das demais novatas com a sua chegada.

O pior já passou

Depois de acumular uma alta de mais de 70% no ano, os papéis da CSN sofreram um pouco com o resultado do último balanço. Mas agora as ações da siderúrgica voltaram a chamar a atenção da XP Investimentos, que elevou sua recomendação de neutra para compra. A Bruna Furlani te explica melhor os motivos do otimismo.

Agora é pra todo mundo 

A Rede, braço de maquininhas de cartão do Itaú Unibanco, estendeu a isenção para a antecipação de recebíveis e liquidação em dois dias para clientes de todos os bancos. Antes, o benefício estava restrito a correntistas do Itaú, o que rendeu à adquirente uma briga com o Cade. Relembre a história e saiba os detalhes da novidade.

Cada vez menor

Indicador que mede a desconfiança dos investidores em relação a determinada economia, o risco país do Brasil alcançou hoje o seu menor nível em nove anos. Nosso Credit Default Swap (CDS) de cinco anos, termômetro informal da nossa probabilidade de dar calote, chegou a bater os 98,2 pontos por volta das 14 horas. Da última vez em que o país atingiu pontuação semelhante, ainda tínhamos selo de bom pagador.  Entenda o que contribuiu para essa queda e como está a posição do Brasil em relação a outros emergentes.

Pode vir, galera!

Não é de hoje que o mercado de aviação comercial brasileiro é bastante concentrado, sobretudo o de voos domésticos. Hoje, ele é operado por basicamente três empresas: Gol, Latam e Azul. Mas o governo está querendo mudar essa história e foi atrás de 40 empresas estrangeiras para operar voos locais. Saiba mais nesta matéria.

P.S. Amanhã, às 11h, a Marina Gazzoni vai fazer um anúncio muito importante. Fique de olho no seu e-mail!

Um abraço e uma ótima noite para você!

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Sinal vermelho

Bolsa fecha em queda e dólar sobe forte com deterioração nos mercados financeiros internacionais

Em sessão marcada por aversão generalizada ao risco, ‘quadruple witching’ em Wall Street aprofundou recuo do Ibovespa e impulsionou o dólar

é bra de casa

Bradesco fecha acordo com funcionários para regulamentar home office

O Bradesco fechou um acordo com seus funcionários para regulamentar o home office, algo que cresceu de forma obrigatória por conta da pandemia de covid-19, mas que valerá de forma permanente

sem apoio, sem emprego

United alerta para risco de corte de 16 mil empregos caso não tenha ajuda

Em carta endereçada ao secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steven Mnuchin, e a lideranças no Congresso americano, o CEO da United Airlines, Scott Kirby, alertou que a aérea poderá ter que cortar até 16 mil empregos caso o governo e o Legislativo não aprovem novo pacote de apoio financeiro ao setor

veja ao vivo!

Podcast Touros & Ursos: Onde investir após a ressaca de juros?

Overdose de decisões de política monetária movimentou a semana dos mercados. Onde pôr o dinheiro em um mundo de taxas reais negativas? Veja no nosso podcast ao vivo

diga lá, presidente

Agronegócio evitou que Brasil entrasse em colapso econômico, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro voltou a enaltecer a participação do agronegócio na manutenção da economia brasileira durante o período da pandemia da covid-19

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu