Menu
2019-10-14T14:30:07-03:00
dessa vez não foi no twitter

Trump diz que China precisa fechar acordo comercial com EUA

Em entrevista à emissora americana CNBC, o presidente norte-americano afirmou que a China está ficando “absolutamente devastada”, uma vez que empresas estão deixando o país asiático e “indo para outras partes, incluindo os EUA”.

10 de junho de 2019
11:08 - atualizado às 14:30
Presidente dos EUA, Donald Trump
Presidente dos EUA, Donald Trump - Imagem: shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse hoje que a China irá eventualmente fechar um acordo comercial com a Casa Branca porque "eles terão de fechar".

Em entrevista à emissora americana CNBC, Trump afirmou que a China está ficando "absolutamente devastada", uma vez que empresas estão deixando o país asiático e "indo para outras partes, incluindo os EUA".

Trump disse ainda que se o presidente da China, Xi Jinping, não for à reunião de líderes do G20 no Japão, no fim do mês, tarifas dos EUA entrarão em vigor sobre mais US$ 300 bilhões em produtos chineses de imediato. Trump, no entanto, disse ter a expectativa de se encontrar com o líder chinês às margens do evento para discutir um pacto comercial entre os dois países.

Trump comentou também que Washington tentou buscar um acordo com o México sobre a crise migratória por meses, mas que as partes apenas chegaram a um consenso, anunciado na última sexta-feira (07), depois que ele ameaçou tarifar todos os produtos mexicanos. Diante do acerto, a Casa Branca decidiu suspender as tarifas, que entrariam em vigor hoje.

Segundo Trump, o México tomou 30% das montadoras dos EUA e, se as tarifas tivessem sido aplicadas, essas companhias voltariam para o território americano. No entanto, agora que o acordo com os mexicanos foi fechado, os EUA serão um "grande parceiro" do vizinho do norte, afirmou o presidente.

Trump também voltou a criticar o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) por ter elevado suas taxas de juros demasiadamente, o que, segundo ele, colocou a economia dos EUA "em desvantagem".

Por outro lado, Trump descreveu as tarifas adotadas pelos EUA como "uma coisa linda", que estão dando "tremenda vantagem para nós".

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

atento ao cenário

Coronavírus pode reduzir previsão de crescimento, mas é cedo para cravar, diz OMC

Diretor da entidade disse que, por enquanto, há apenas especulação dos economistas apontando revisão para baixo dos números

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

12 notícias para você começar o dia bem informado

Enquanto acompanham o avanço do coronavírus, os investidores olham também para as novidades no mundo corporativo. Os números da Cielo vieram piores do que as expectativas, que já eram bem negativas. A JBS anunciou um negócio bilionário na China. E a união de Embraer e Boeing ganhou o aval do Cade.   O que você precisa saber hoje: […]

segundo agência

Em grave crise econômica, Venezuela avalia privatizar petróleo

Representantes do governo conversaram com diferentes empresas, diz agência; medida abandonaria décadas de monopólio estatal

O que mexe com os negócios hoje

Com coronavírus no radar, mercados ensaiam dia de recuperação

Ontem o dia foi de temor nos mercados, como reflexo da rápida disseminação do coronavírus pelo mundo. Nas primeras horas da manhã tanto as sessões europeias como os índices futuros em Wall Street ensaiavam uma recuperação

bons negócios

JBS faz acordo com empresa chinesa que deve movimentar R$ 3 bilhões

Parceria com WH Group oferecerá portfólio de produtos das marcas Friboi e Seara

agenda oficial

BNDES vai até Brasília explicar ‘caixa-preta’

Comitiva vai dar explicações sobre a auditoria de R$ 48 milhões; estudo não encontrou nenhuma irregularidade no banco

entrevista

Por que o coronavírus é mais um elemento de risco à economia, segundo este especialista

Segundo o economista-chefe da consultoria MB Associados, Sergio Vale, a doença aumenta as incertezas nos mercados; entenda

dados oficiais

Na China, número de mortes pelo coronavírus passa de 100

Autoridades de saúde da China afirmam que mais de 4 mil pessoas foram infectadas

precaução

Por receio do coronavírus, China adia reabertura do mercado de ações

Originalmente, os negócios nas bolsas de Xangai e de Shenzhen seriam retomados na sexta-feira; agora, só voltam segunda

Produtos de investimento

Na disputa com plataformas, Itaú lança fundo que segue carteira recomendada pelo banco

Fundo lançado há pouco mais de uma semana na rede já conta com R$ 500 milhões em patrimônio e permite que cliente invista em toda a carteira de recomendações em um único produto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements