Menu
2019-08-06T11:36:18-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
guerra monetária?

Para China, EUA geram turbulência ao rotular País como manipulador cambial

Banco do Povo da China afirmou que se opõe fortemente à decisão dos EUA de designar o país asiático como um “manipulador cambial”

6 de agosto de 2019
11:36
China/ EUA/ Guerra comercial
Imagem: Shutterstock

O Banco do Povo da China afirmou nesta terça-feira, 6, que se opõe fortemente à decisão dos Estados Unidos de designar o país asiático como um "manipulador cambial".

Para a instituição, a atitude americana é um comportamento protecionista que, além de minar seriamente a ordem financeira internacional, provocará turbulência nos mercados financeiros.

A autoridade monetária chinesa voltar a se defender alegando que a cotação do yuan é determinada por dinâmicas de oferta e demanda nos mercados e voltou a rechaçar ter usado a taxa de câmbio como uma ferramenta para lidar com disputas comerciais.

A moeda chinesa passou por uma forte desvalorização e, agora, o dólar vale mais de sete yuan, nível que não era rompido há mais de uma década. Via Twitter, o presidente dos EUA, Donald Trump, acusou o governo chinês de estar manipulando artificialmente o câmbio — uma "enorme violação" que, segundo ele, irá culminar num "grande enfraquecimento"da China ao longo do tempo.

No comunicado divulgado pelo banco chinês nesta terça-feira, a autoridade monetária argumentou ainda que a China não preenche os "padrões quantitativos" formulados pelo Departamento do Tesouro dos EUA como critério para a designação como "manipulador cambial".

Desde 2018, os EUA "têm continuamente provocado uma escalada das disputas comerciais", critica o PBoC, instando os americanos a "retornarem à trilha correta da racionalidade e da objetividade".

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

mercado de ações

A B3 vai ter concorrência, mas não hoje: os riscos e oportunidades dos desafiantes ao monopólio da bolsa brasileira

Autorização para a empresa Mark2Market operar como central depositária de títulos volta a esquentar debate sobre atuação da B3, mas mercado vê quebra de monopólio improvável no curto prazo

Triste marca

Brasil registra mais de 500 mil mortos por covid-19

Em 24 horas foram 2.301 óbitos e 82.288 novos casos. Em nota, Conass ressalta que o Brasil tem 2,7% da população mundial, e é responsável por 12,8% das mortes

Here comes the sun

Energia solar ruma para liderança no País até 2050

O sol será responsável por 32% da geração, ao mesmo tempo em que a participação das hidrelétricas deve cair para cerca de 30%

ESTRADA DO FUTURO

Os três setores mais lucrativos em tecnologia, e por que você deve investir neles

Integração entre softwares e Inteligência Artificial são dois dos segmentos que devem fazer parte de qualquer portfólio de investimentos vencedor

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies