Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-08-01T06:54:44-03:00
Estadão Conteúdo
balanço

BR Distribuidora tem lucro líquido de R$ 302 mi no 2º trimestre, alta de 14,8%

A receita da empresa ficou em R$ 24,045 bilhões, crescimento de 1,9% na comparação com os R$ 23,597 bilhões no segundo trimestre de 2018

1 de agosto de 2019
6:54
BR distribuidora
BR distribuidora - Imagem: Divulgação

A BR Distribuidora divulgou lucro líquido de R$ 302 milhões no segundo trimestre de 2019, crescimento de 14,8% na comparação com os R$ 263 milhões em igual período do ano passado. Frente ao trimestre imediatamente anterior, de R$ 477 milhões, entretanto, o lucro líquido mostrou uma queda de 36,7%.

O Ebitda ajustado (sem o IFRS 16) apresentou leve queda de 0,8% no ano e queda de 37,3% no trimestre, para R$ 504 milhões. Considerando a nova norma contábil, o Ebitda ajustado da empresa foi de R$ 541 milhões, alta de 6,5% no ano, mas queda de 35,7% no trimestre. Segundo a empresa, o indicador foi prejudicado pelo menor lucro bruto no período - efeito de perdas de estoque após a redução dos preços do diesel e da gasolina em junho de 2019.

A margem Ebitda unitária caiu de R$ 86/m3 no primeiro trimestre de 2019 para R$ 54/m3 no segundo trimestre deste ano. O recuo, segundo a BR, refletiu "menores margens de comercialização praticadas ao longo dos meses de abril e maio, numa estratégia de busca de aumento de volume de venda nos segmentos de revenda e grandes consumidores".

A receita da empresa ficou em R$ 24,045 bilhões, crescimento de 1,9% na comparação com os R$ 23,597 bilhões no segundo trimestre de 2018, e alta de 7,2% na comparação com o trimestre imediatamente anterior. De acordo com a empresa, o avanço refletiu os maiores volumes de vendas e o aumento do preço médio de comercialização dos derivados, de 4,7% na comparação com os primeiros três meses do ano.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

RIQUEZA DIGITAL

Dancinha milionária: estrelas do TikTok já ganham mais do que grandes executivos nos Estados Unidos; veja quanto elas faturam

Os milhões de seguidores de alguns tiktokers são irresistíveis para as marcas, que acabam gastando muito dinheiro não só em anúncios como em suas linhas de produtos

DA REALIDADE PARA O NOVO DIGITAL

Walmart no metaverso: gigante do varejo dos EUA vai fabricar e vender no mundo virtual; entenda

Para ter um pé nesse universo, Nike e marcas de vestuário como Urban Outfitters, Ralph Lauren e Abercrombie & Fitch também entram com pedidos de marca registrada

PEGA LADRÃO!

Fechada na economia e aberta ao cibercrime: Coreia do Norte desvia milhões de dólares com ataques a plataformas de criptomoedas em 2021

Norte-coreano Lazarus ganhou notoriedade com invasões cibernéticas à Sony Pictures e à WannaCry. Grupo já foi sancionado pelos Estados Unidos e pela ONU

EFEITOS DO CLIMA

Usiminas (USIM5) retoma gradualmente atividades de mineração afetadas por chuvas em Minas Gerais

Segundo o grupo, os problemas ainda afetam empresas responsáveis pela cadeia de escoamento de minério

Conteúdo Empiricus

Dos R$2 mil aos R$100 mil em 12 meses com esta criptomoeda? Criptoativo criado por sócio de Steve Jobs faz parte do segmento que pode decolar e deixar o Bitcoin no chinelo após evento do dia 24 de janeiro

Ele fundou a Apple junto de Steve Jobs e agora criou uma nova criptomoeda que custa centavos e pertence ao ecossistema que pode saltar 5.000% em 2022 e enriquecer os seus investidores

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies