🔴 [EVENTO GRATUITO] COMPRAR OU VENDER VALE3? INSCREVA-SE AQUI

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
ACIDENTE

Avião Boeing 737 MAX sofre dois acidentes em poucos meses

Aeronave da Ethiopian Airlines caiu neste domingo, deixando 157 vítimas. Modelo de avião é o mesmo envolvido em tragédia de 2018

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
10 de março de 2019
15:15 - atualizado às 16:48
Boeing 737 MAX 9
Boeing 737 MAX 9 - Imagem: Boeing 737 MAX 9

O acidente com o Boeing 737 MAX da Ethiopian Airlines, que deixou 157 vítimas entre passageiros e tripulantes neste domingo (10), chamou a atenção da comunidade aeronáutica por conta da proximidade temporal entre ele a a queda de outra aeronave do mesmo modelo.

Em 29 de outubro do ano passado, um avião da companhia Lion Air caiu deixando 189 mortos na Indonésia.

Embora não haja evidências de que os dois incidentes tenham qualquer relação de causalidade até o momento, o curto intervalo de tempo entre eles virou destaque em veículos de imprensa mundo afora.

O avião acidentado da Ethiopian levantou voo hoje em boas condições de tempo a partir do aeroporto de Bole, em Adis Abeba, mas perdeu contato apenas seis minutos depois da decolagem. No ano passado, o Boeing 737 da Lion Air também caiu poucos minutos após deixar o aeroporto de Jacarta.

Segundo o The New York Times, autoridades estão investigando se mudanças recentes em um sistema de controle automático do modelo podem ter levado o voo de hoje a um “mergulho irrecuperável”. Ao jornal americano, a Ethiopian disse que o avião foi submetido a uma manutenção rigorosa em fevereiro.

A hipótese é a mesma levantada pelas investigações do acidente da Lion Air, que também sofreu um mergulho abrupto em 2018.

Oficiais americanos e indonésios concluíram à época que o acidente pode ter sido indiretamente causado por uma atualização no software, que deveria prevenir eventuais perdas de sustentação do avião. Se alimentado com as informações erradas, porém, o sistema pode levar o avião a uma descida fatal.

De acordo com alguns sindicatos de pilotos, a mudança no sistema de controle – e como desativá-lo – não foi devidamente explicada aos profissionais da categoria.

Sobre o Boeing 737

O Boeing 737 MAX é o avião comercial mais vendido do mundo. Apenas no final de janeiro, 350 unidades foram entregues a seus compradores, de um total de 5.011 pedidos, segundo o site da fabricante.

O modelo tem quatro variações, dependendo do número de assentos disponíveis: são eles MAX 7 (172 assentos), MAX 8 (210), MAX 200 (220) e MAX 9 (230).

O primeiro voo da quarta geração do 737, criada para viagens curtas e médias, foi realizado em janeiro de 2016. Há dois anos, a aeronave passou a ser entregue por encomendas.

Em seu Twitter, a Boeing se manifestou sobre o ocorrido. A companhia se disse profundamente triste com a morte dos passageiros e tripulantes do voo 302 da Ethiopian, e enviou suas condolências às famílias das vítimas.

Compartilhe

Disputa pelos ares

China compra cerca de 300 aviões da Airbus, em novo golpe à rival Boeing

3 de julho de 2022 - 11:45

A Boeing citou repetidamente a China como essencial para seus planos de crescimento da produção, mas perdeu para a rival Airbus na encomenda mais recente do gigante asiático

TRAGÉDIA NA CHINA

Alguém derrubou esse avião de propósito na China; investigadores agora tentam descobrir quem foi

18 de maio de 2022 - 7:45

Dados recuperados da caixa preta sugerem que alguém na cabine derrubou o intencionalmente o Boeing 737-800 da China Eastern com 132 pessoas a bordo no fim de março

GUERRA ECONÔMICA

Veja as maiores sanções impostas contra a Rússia até agora — e o que Putin fez para se livrar delas

5 de abril de 2022 - 14:36

Na tentativa de isolar Moscou do resto do mundo e parar as tropas na Ucrânia, os EUA e seus aliados já anunciaram cerca de 50 medidas punitivas; listamos algumas das principais

A CAIXA PRETA É LARANJA

Explicações a caminho? Recuperada uma das ‘caixas pretas’ do Boeing 737-800 que caiu na China com 132 pessoas a bordo

23 de março de 2022 - 8:02

Avião mergulhava de bico, perto da velocidade do som, nos momentos que antecederam a tragédia, segundo especialistas ouvidos pela Bloomberg

MISTÉRIO NO AR

Investigadores tentam desvendar como o Boeing 737-800, um dos aviões mais seguros já construídos, caiu na China com 132 pessoas a bordo

22 de março de 2022 - 10:10

Equipes de resgate ainda vasculham o local da queda do avião, ocorrida ontem, mas não encontraram sinais de sobreviventes

TRAGÉDIA AÉREA

Avião cai na China com 132 pessoas a bordo; ações da Boeing operam em forte queda no pré-mercado em Nova York

21 de março de 2022 - 6:16

Boeing 737-800 caiu em uma região montanhosa perto de Wuzhou, no sul da China, e explodiu; equipes de resgate realizam buscas no local

BYE BYE!

Facebook (FBOK34), Netflix (NFLX34), Airbnb (AIRB34) e Apple (AAPL34): a enorme lista de empresas que cortaram laços com a Rússia e deixaram Putin na mão

4 de março de 2022 - 14:02

Além do efeito das sanções, que torna praticamente impossível a realização de negócios no país, essas companhias estão preocupadas com a imagem em meio à guerra

JETSON DA VIDA REAL

Passeio de carro voador na Austrália está mais perto da realidade com ajuda da Eve, da Embraer (EMBR3)

16 de fevereiro de 2022 - 14:21

A subsidiária da empresa brasileira recebeu um pedido de até 40 eVTOLs da Microflite, uma das principais operadoras de helicópteros da Austrália

De volta ao lar

Embraer (EMBR3) reintegra o setor de aviação comercial após o fiasco com a Boeing. E agora, como ficam as ações?

26 de janeiro de 2022 - 14:50

Para a Embraer (EMBR3), a parceria com a Boeing em aviação comercial é passado; mas será que o mercado precifica corretamente suas ações?

Empréstimo

Gol acerta financiamento de US$ 600 milhões para renovar frota de aviões

24 de janeiro de 2022 - 8:50

Empresa aérea usará o dinheiro para financiar a aquisição de 12 novas aeronaves Boeing 737 MAX 8, a uma taxa de juros menor que o custo atual da frota

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar