2019-10-14T14:25:40-03:00
Estadão Conteúdo
Tango (ainda mais) triste

Fitch rebaixa rating da Argentina de ‘B’ para ‘CCC’

Agência de classificação de risco afirma que rebaixamento reflete “elevada incerteza de políticas” após os resultados das eleições primárias

16 de agosto de 2019
17:08 - atualizado às 14:25
Argentina
Imagem: Shutterstock

A agência de classificação de risco de crédito Fitch rebaixou o rating da Argentina de 'B' para 'CCC', segundo comunicado publicado pela instituição nesta sexta-feira.

De acordo com a nota, o rebaixamento reflete "elevada incerteza de políticas" após os resultados das eleições primárias de domingo, nos quais o presidente Mauricio Macri ficou 15 pontos percentuais atrás da chapa representada pelo peronista Alberto Fernández e pela ex-presidente Cristina Kirchner.

No comunicado, a Fitch revisa de 1,7% para 2,5% sua projeção de contração da economia argentina em 2019. Além disso, a agência prevê estagnação em 2020, mas vê alto nível de incerteza dada a "falta de clareza sobre políticas econômicas cruciais após as eleições".

A Fitch avalia que há "um aperto profundo das condições de financiamento e uma expectativa de deterioração do ambiente macroeconômico que aumenta a probabilidade de um calote soberano ou algum tipo de reestruturação".

Na análise da instituição, o cenário de vitória da chapa Fernández-Kirchner representa maior risco de descontinuidade das política econômicas de Macri guiadas por um programa com o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

SOB NOVA DIREÇÃO

Passou, mas não foi unânime: indicado para comandar a Petrobras (PETR4) é aprovado por comitê — confira a próxima etapa

Caio Mário Paes de Andrade é o quinto gestor da estatal no governo de Jair Bolsonaro, mas seu nome ainda não recebeu aprovação final

VAI FICA DENTRO OU FORA DESSA?

Prepara-se: Metaverso vem aí com jogos, ensino e comércio eletrônico — e deve movimentar US$ 5 trilhões

De acordo com a empresa de consultoria McKinsey, os gastos globais no metaverso podem chegar a US$ 5 trilhões até 2030. Desse total, o e-commerce é visto como o meio que oferece a maior oportunidade, com um valor de mercado previsto de US$ 2,6 trilhões.

CARREIRA DOS SONHOS

Google (GOGL34) é eleita a empresa dos sonhos dos brasileiros; Nubank (NUBR33) e Itaú (ITUB4) também estão na lista

A gigante de tecnologia se mantém na liderança como empresa dos sonhos dos brasileiros na última década; a Google é desejada principalmente entre os mais jovens

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Político pesa no Ibovespa, projeções melhores para VIIA3 e outros destaques do dia

A inflação global elevada e as apostas cada vez maiores de que o mundo deve enfrentar um cenário de recessão econômica continuam alimentando os ursos do mercado financeiro nos quatro cantos do mundo, monopolizando a atenção dos investidores.  Mesmo com um cenário marcado por uma forte aversão ao risco, os principais índices de Wall Street […]

AUMENTA O SOM

Ex-ministro Milton Ribeiro diz ter recebido ligação de Bolsonaro sobre busca e apreensão — ouça o áudio

O telefonema ocorreu em 9 de junho, antes do ex-chefe da pasta da Educação ter sido alvo da operação da Polícia Federal (PF), deflagrada na quarta-feira (22)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies