Menu
2019-04-04T14:18:26-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Primeiro banco a divulgar números

Balanço do Itaú é destaque nesta segunda-feira. Veja o que esperar dos resultados do banco

Em dia de digestão do 2º turno das eleições, temporada de balanços também pode movimentar os mercados

29 de outubro de 2018
5:25 - atualizado às 14:18
Logo do banco Itaú
Itaú - Imagem: Shutterstock

O mercado deve passar a segunda-feira, 29, digerindo (e comemorando) os resultados das eleições presidenciais de ontem, que trouxe a vitória de Jair Bolsonaro (PSL). Mas não posso deixar de comentar que duas gigantes do Ibovespa vão divulgar seus balanços hoje e podem causar um movimento extra na bolsa.

Logo cedo, antes de abrir o mercado, a fabricante de papel e celulose Klabin deve trazer um novo lucro depois do tombo de quase R$ 1 bilhão no segundo trimestre. Já no fim do dia será a vez do Itaú divulgar seus números, com a expectativa de mais um lucro bilionário. Depois de fechar o mercado a Multiplan também vai apresentar os resultados do 3º trimestre.

Itaú deve ter lucro forte, mas divide analistas

O Itaú Unibanco será o primeiro dos grandes bancos brasileiros a divulgar seu balanço e as expectativas são animadoras. Se confirmadas as projeções dos analistas consultados pela Bloomberg, o lucro líquido ajustado crescerá cerca de 4% em relação ao resultado do 3º trimestre do ano passado, atingindo a marca de R$ 6,5 bilhões.

Se olharmos para dentro do balanço, poderemos encontrar algumas divergências. O Broadcast/Estadão conversou com alguns operadores do mercado e ouviu deles expectativas distintas. Enquanto a XP espera números bem positivos, com margens financeiras e de crédito fortes, o JP Morgan espera um trimestre fraco com spreads pressionados e compensados pelo avanço do crédito. Vale acompanhar quem desses aí se aproximam mais do resultado final.

Klabin deve recuperar parte do tombo do 2º trimestre

Tentando esquecer o tombo quase bilionário entre abril e junho, herança da greve de caminhoneiros e a forte desvalorização do real frente ao dólar no trimestre, a Klabin deve lucrar mais de R$ 140 milhões no terceiro período do ano.

Um destaque positivo do balanço deve vir da receita líquida da companhia. Se confirmadas a projeções da Bloomberg, a empresa de papel e celulose deve acumular R$ 2,7 bilhões de receitas, uma alta de mais de R$ 500 milhões na comparação com o mesmo período de 2017. No geral, os números devem vir positivos, com uma geração de caixa robusta.

Multiplan

A Multiplan deve entrar para a lista das empresas com bons resultados para o terceiro período de 2018. Se confirmadas as expectativas, a geração de caixa da empresa e o seu lucro líquido ajustado devem subir, respectivamente, 24% e 48%, em relação ao mesmo período do ano anterior.

Projeção para o 3º trimestre/2018 (Bloomberg)
Lucro Líquido ajustado: R$ 112,250 milhões
Ebitda: R$ 224,000 milhões
Receita: R$ 301,000 milhões

No 3º trimestre de 2017
Lucro Líquido ajustado: R$ 75,553 milhões
Ebitda: R$ 181,078 milhões
Receita: R$ 286,217 milhões

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Mais lidas

MAIS LIDAS: De bolso cheio para brigar contra todos

Na semana em que o Seu Dinheiro completou dois anos no ar, refleti sobre quanta água rolou em tão pouco tempo. Foram muitos acontecimentos relevantes para os mercados, como eleição presidencial, guerra comercial de China e Estados Unidos, aprovação da Reforma da Previdência e a chegada do coronavírus. A Julia Wiltgen levantou o ranking de […]

Aviação regional

Governo quer licitar cinco blocos de aeroportos na Amazônia Legal

Pontapé inicial será no Amazonas, onde o governo espera transferir para uma empresa a operação de oito aeroportos regionais em 2022

Reforma Tributária

Cresce resistência a “nova CPMF”

Presidente do Senado, Davi Alcolumbre, avisou a interlocutores que a criação do imposto dificilmente passará no Congresso

Reforma Tributária

Dúvida é adotar desoneração da folha horizontal ou vertical

Há consenso sobre desonerar as empresas de tributos sobre os salários de quem ganha até um salário mínimo, mas forma ainda está em discussão no Executivo.

Referente a 2019

BR Distribuidora vai pagar R$ 547,2 milhões em dividendos adicionais

Valor equivale a R$ 0,4687 por ação, e será pago em 30 de setembro.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements