Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2018-12-03T21:15:40-02:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Câmbio

Banco Central faz nova oferta de dólar no mercado à vista

Leilão de linha com compromisso de recompra será de até US$ 1 bilhão com vencimento em fevereiro e março

3 de dezembro de 2018
21:15
Barquinhos de dólar
Imagem: Shutterstock

O Banco Central (BC) anunciou nova atuação no mercado à vista de câmbio para o pregão desta terça-feira. A oferta será de até US$ 1 bilhão em dois leilões, com vencimentos em fevereiro e março de 2019, entre 12h15 e 12h35, desta terça-feira.

Essa será a quarta atuação nessa modalidade que funciona como um empréstimo dos dólares das reservas internacionais com posterior retorno ao BC.

O primeiro leilão do tipo aconteceu na terça-feira da semana passada, depois que o dólar tinha disparado 2,6%, indo acima de R$ 3,90. A oferta foi de até US$ 2 bilhões. Na quarta-feira, o BC ofertou mais US$ 1 bilhão e na quinta-feira, promoveu leilão de rolagem de US$ 1,25 bilhão em linhas ofertadas em agosto que venceriam amanhã, dia 4 de dezembro.

Esse tipo de operação é usual nesta época do ano, pois as empresas que estão fechando balanços demandam mais dólares para remeter para suas matrizes. "O leilão de linha é para prover liquidez ao mercado de câmbio, como é normal nesta época do ano", disse o BC, por meio de sua assessoria, quanto retomou os leilões na semana passada.

Além dos leilões de linha, o BC vem fazendo a rolagem integral dos swaps cambiais, que equivalem à venda de dólares no mercado futuro, que vão vencer em janeiro. O estoque de contratos vincendos é de US$ 10,4 bilhões.

Nesta segunda-feira, o dólar comercial encerrou o dia negociado a R$ 3,8411, queda de 0,46%.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

CERCO FECHANDO?

Com big techs na mira dos órgãos reguladores, Cade britânico manda Meta, a dona do Facebook, vender a Giphy

A Autoridade de Concorrência e Mercados do Reino Unido considera que o negócio tem potencial de prejudicar usuários de redes sociais e anunciantes

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro recua com novos temores sobre a covid-19 no mundo e dólar também cai

Os investidores permanecem de olho na votação da PEC dos precatórios na CCJ do Senado, marcada para esta terça-feira (30)

O melhor do Seu Dinheiro

Ômicron de “A” a “Z”, dividendos, balanço da Black Friday e outros destaques

A variante ômicron recebeu este nome para evitar maiores conflitos de linguagem, mas Matheus Spiess vai além da semântica em sua análise

A BOLSA HOJE

Esquenta dos mercados: notícia sobre possível baixa eficácia das vacinas contra ômicron derruba mercados, em dia de discurso de Powell e votação dos precatórios

O investidor local ainda permanece de olho nas falas de Roberto Campos Neto e Paulo Guedes em eventos separados hoje

SÓ NO SAPATINHO

Dividendos: Arezzo (ARZZ3) vai distribuir R$ 60 milhões aos acionistas; veja como participar

Serão R$ 33,78 milhões em JCP e R$ 26,22 milhões em dividendos a serem depositados até 31 de janeiro de 2022

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies