A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2018-12-31T17:58:39-02:00
Estadão Conteúdo
Carrinho de compras

Omega fecha acordo para compra de complexo de eólico na Bahia por R$ 1,9 bi

Com a aquisição destes 303 MW e dos complexos eólicos Delta 5 e Delta 6, a Omega superará a marca de 1GW de capacidade operacional

31 de dezembro de 2018
17:58
Petrobras
Imagem: shutterstock

A Omega Geração, uma das empresas líderes em energia renovável no Brasil, assinou hoje um acordo vinculante para adquirir 100% do Complexo Eólico Assuruá, no interior da Bahia, que pertencia ao Fundo de Investimentos em Participações (FIP) IEER.

Em comunicado publicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Omega também anunciou um acordo de direito de primeira oferta para adquirir os projetos a serem desenvolvidos pelo FIP IEER na região.

O Complexo Assuruá tem capacidade instalada de 303 MW e é formado por 13 centrais eólicas vencedoras dos leilões de energia de reserva (LER) de 2013 e 2014, com início da operação comercial em abril de 2016 e fevereiro de 2018, respectivamente.

Além disso, o FIP IEER possui na mesma região uma área vasta com potencial de desenvolvimento de ativos de geração eólica e solar superior a 2,0 GW, projetos sobre os quais a Omega Geração passa a ter o direito de primeira oferta na aquisição após entrada em operação dos ativos.

O preço total da aquisição (enterprise value) foi avaliado em R$ 1,9 bilhão e será pago por meio da assunção de dívida líquida no valor de R$ 1,018 bilhão mais pagamento com recursos de caixa e linhas de financiamento.

O comunicado detalhada que 28% da parcela em caixa poderá ser paga em ações, em até três anos, a critério da Omega. Os valores mencionados poderão sofrer ajustes em função de variação de capital de giro dos ativos entre a data atual e a data final da aquisição e correção monetária das parcelas diferidas.

Com a aquisição destes 303 MW e dos complexos eólicos Delta 5 e Delta 6, a Omega superará a marca de 1GW de capacidade operacional.

"O Complexo Assuruá tornou-se 100% operacional no início desse ano e, de forma cautelosa e abrangente, conduzimos nos últimos meses o trabalho de diligência para poder finalmente concluir a negociação nesta data com a convicção de termos adquirido ativos de alta qualidade técnica em região de ótimo recurso eólico", afirmou o presidente da Omega, Antonio Bastos Filho, no comunicado.

"Com ventos médios de 9,73 m/s, o desempenho dos projetos tem validado nossos estudos e o perfil da incidência eólica naquela região tem complementariedade sazonal e diária ao portfólio eólico da Omega. Os recursos sólidos com máquinas de primeira qualidade tornam o cluster altamente atraente, além do grande potencial de expansão na região", acrescentou.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

DESTAQUE DA CONSTRUÇÃO

Cury (CURY3) dispara mais de 9% após apresentar receita recorde e margens saudáveis no segundo trimestre; confira os destaques do balanço da companhia

10 de agosto de 2022 - 12:27

O apetite pelos papéis da empresa e de outras construtoras também é alimentado pelo arrefecimento da inflação em julho

TEMPORADA DE BALANÇOS

XP em foco: mercado desaprova despesas maiores e BDRs XPBR31 desabam mais de 8% após balanço do 2º trimestre

10 de agosto de 2022 - 12:25

O mercado ainda mantém recomendações positivas para XP (XPBR31), mas faz ressalvas a respeito de algumas tendências do balanço no 2T22

DEGRINGOLÂNDIA

Os EUA viraram uma república de bananas? O que se sabe até agora sobre a operação do FBI contra Donald Trump

10 de agosto de 2022 - 11:43

Aliados de Donald Trump saíram-se com reações exacerbadas; Casa Branca exaltou respeito ao estado de direito

Décimo Andar

O caminho da evolução: A indústria de fundos imobiliários ainda tem muito a avançar; saiba o que esperar

10 de agosto de 2022 - 11:04

Em termos de alinhamento com os cotistas, a indústria de FIIs tem características únicas e grandes vantagens. Ainda assim, são necessários novos ajustes no meio do caminho

COMPRANDO MAIS

TC — antigo Traders Club — compra gestora Pandhora Investimentos por R$ 15 milhões

10 de agosto de 2022 - 10:16

Desde o IPO feito em julho de 2021, TC (TRAD3) vem aproveitando o dinheiro para fazer uma série de aquisições no mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies