Menu
2019-04-20T17:25:39-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Sangue Frio

Essa é a profissão dos investidores que não têm medo de arriscar no Brasil

Estudo analisou as atitudes de 20 mil investidores diante de situações de risco levando em conta suas profissões

19 de setembro de 2018
11:17 - atualizado às 17:25
Homem com caixa na cabeça mostra confusão
Imagem: Shutterstock

Ser investidor no Brasil é arriscado, principalmente com a onda de instabilidade política e econômica que o país atravessa no momento. Um estudo mostra que os pilotos de aeronaves são os que mais têm sangue-frio para lidar com essas oscilações. O levantamento foi realizado pela corretora Socopa e divulgado pelo "Estado de S. Paulo" nesta terça-feira (19).

Sem medo

A empresa analisou a reação de 20 mil investidores diante de situações de riscos no mercado e descobriu que os pilotos são os que mais mantêm a estratégia inicial de investimento, independente de eventuais mudanças no cenário econômico. Ainda segundo o estudo, as ações representam em média 62,5% da carteira desses profissionais.

Por outro lado

O estudo indica que os profissionais de letras e artes são os mais sensíveis a perdas e, portanto, os que têm perfil mais conservador de investimento. Professores, escritores e artistas entram nessa lista. Em média, a carteira deles é composta apenas por 4,7% de ações. Por isso, eles tendem a alocar mais recursos em papéis de renda fixa, como títulos do Tesouro.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

pacote comercial

Brasil e EUA assinam acordo para facilitar comércio e desburocratizar regulação

O Acordo de Comércio e Cooperação Econômica vinha sendo negociado pelos dois países desde 2011, mas estava em hibernação até a eleição do presidente Jair Bolsonaro

Relatório de produção

Vale: Produção de minério vai a 88,676 milhões/toneladas, alta anual de 2,3%

No relatório que divulgou nesta segunda-feira, 19, a companhia informa que está evoluindo com seu plano de estabilização e entregou uma forte produção de minério de ferro no terceiro trimestre.

Buscando eficiência

Infraestrutura anuncia início do plano de incorporação da Valec e EPL

Segundo a pasta, um dos principais objetivos da incorporação é “otimizar os gastos por meio de uma empresa mais enxuta, eficiente e sustentável”.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Segurando o teto

Hoje foi dia de descolamento entre o Ibovespa e as bolsas americanas novamente. E tudo por causa dos impasses que vêm pesando sobre as perspectivas dos investidores nos últimos tempos. Mas desta vez o jogo virou. Foi a bolsa brasileira que se saiu bem, enquanto as bolsas americanas amargaram perdas. Lá fora, o vaivém das […]

Agora vai?

Agora é oficial: CSN entra com pedido de IPO da unidade de mineração

A abertura de capital da unidade da CSN que inclui a mina Casa de Pedra é aguardada há pelo menos uma década, a ponto de ganhar status de lenda urbana no mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies