Menu
2019-04-04T14:42:10-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Tensões entre gigantes

Trump abaixa o tom e sinaliza acordo comercial com a China

Líder americano que espera um entendimento com os chineses para acabar com os conflitos comerciais

16 de novembro de 2018
16:33 - atualizado às 14:42
Donald Trump
Imagem: Shutterstock

Donald Trump resolveu falar sobre China nesta sexta-feira, 16, e agradou bastante o mercado. Ao sinalizar um acordo comercial com o gigante asiático, o presidente americano disparou uma onda de otimismo ao redor do mundo. Aqui no Brasil, o Ibovespa, que já operava em forte alta por conta da equipe econômica anunciada por Bolsonaro, ampliou os ganhos e subia quase 3%.

Em entrevista, Trump disse que espera um entendimento com os chineses para acabar com os conflitos comerciais - que já se estendem por meses. Também aproveitou a fala para soltar uma tradicional alfinetada ao dizer que os Estados Unidos "ajudaram a tornar a China o país que é hoje".

"Não quero colocar a China em posição ruim, mas temos que ter comércio recíproco", Donald Trump.

Há a expectativa de que Trump e o presidente chinês, Xi Jinping, se encontrem durante a reunião do G20, em Buenos Aires, no fim deste mês. Ali seria firmado o acordo comercial entre os países, baseado em uma lista de demandas que os dois governos discutem atualmente.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

balanço do dia

Covid-19: casos sobem para 15,5 milhões e mortes, para 432,6 mil

O total de vidas perdidas durante a pandemia subiu para 432.628. Entre ontem e hoje, foram registradas 2.211 novas mortes.

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Mudaram as estações, mas nada mudou na bolsa

Quem olha para o saldo do Ibovespa na semana pode achar que os últimos dias foram um marasmo. O índice, afinal, ficou praticamente estável — uma quase desprezível queda de 0,13%. “Mas eu sei que alguma coisa aconteceu / tá tudo assim, tão diferente”, já dizia a música. E é verdade: nada mudou na bolsa, […]

Fechamento da semana

Inflação americana e minério de ferro vivem ‘dias de luta e dias de glória’, monopolizando a semana; dólar avança e bolsa recua no período

O minério de ferro puxou Vale e siderúrgicas para cima – mas depois derrubou. A inflação americana também assustou, mas conseguiu acalmar o ânimo dos investidores. Confira tudo o que movimentou a semana

Engordando o caixa

Petrobras gera US$ 2,5 bilhões com desinvestimentos em 2021; venda mais recente é para fundo árabe

E a estatal não deve parar por aí, pois o diretor financeiro da empresa já reafirmou a intenção de continuar com o programa de venda de ativos

Em evento do BofA

Presidente do BC revela preocupação com análise de autonomia no STF e planos para PIX internacional

Campos Neto e o ministro da Economia, Paulo Guedes, têm conversado com ministros da Corte sobre os questionamento acerca do tema

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies